29 de maio de 2024
Publicado em • atualizado em 27/05/2023 às 11:58

Com a Ferrovia Norte-Sul, Rubens Otoni destaca avanços e desafios rumo à integração e o desenvolvimento regional 

Rubens Otoni destaca avanços na infraestrutura com Ferrovia Norte-Sul (Foto: Divulgação)
Rubens Otoni destaca avanços na infraestrutura com Ferrovia Norte-Sul (Foto: Divulgação)

A Ferrovia Norte-Sul avança mas ainda existem vários desafios. A interligação do trecho que faltava, em Goianira (GO), foi concluída nesta sexta-feira (26/05). A conclusão preliminar da obra anunciada pela empresa concessionária, é um passo a ser comemorado mas ainda há um caminho importante a percorrer, destaca o deputado federal Rubens Otoni (PT).

O próximo passo é a vistoria pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), do trecho que vai de Anápolis até Santa Helena de Goiás. Só após a aprovação da vistoria, pode-se buscar a homologação da ferrovia e a sua liberação para uso.

Além disso, a operação definitiva depende de arranjos comerciais ainda a serem desenvolvidos entre as partes envolvidas na busca da viabilidade econômica. O deputado Rubens Otoni (PT) parece estar comprometido em garantir a entrega completa e definitiva da ferrovia, e está atento a cada etapa desse processo para que a ferrovia cumpra seu papel de integração e desenvolvimento regional.

“Sem dúvida, é um passo importante, mas temos um bom caminho a percorrer. Vamos acompanhar de perto a vistoria da obra e homologação por parte da ANTT e também os arranjos comerciais da empresa concessionária para que a ferrovia efetivamente cumpra o seu papel de integração e desenvolvimento regional. Estarei atento a cada passo, até que o projeto em definitivo se concretize”, ressaltou Rubens à coluna.

Sobre a Ferrovia Norte-Sul

A Ferrovia Norte-Sul é uma das mais importantes obras de infraestrutura do Brasil, que visa conectar diferentes regiões do país por meio de uma rede ferroviária moderna e eficiente. Com investimentos maciços, a ferrovia busca impulsionar o transporte de cargas, reduzir os custos logísticos e promover a integração regional. Quando totalmente operacional, a Ferrovia Norte-Sul irá facilitar o escoamento de produtos agrícolas, minerais e industriais, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.