28 de maio de 2022
Publicado em

Cazuza é homenageado por cantora goiana em show virtual que ocorre nesta segunda-feira (4)

Espetáculo é exibido na data do aniversário do artista
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Uma das maiores vozes da música brasileira, o cantor e compositor Cazuza completaria, nesta segunda-feira (4), 64 de idade. Com o intuito de manter viva a história do artista, a cantora goiana Cris Couto realiza, a partir das 19h30, um show virtual em seu canal do YouTube, em homenagem ao poeta do rock nacional.

Intitulado como “Cris canta Cazuza”, o show, performático, terá a duração de uma hora e contará com a participação de Cereja do Cerrado, da violonista Ísis Krisna e da guitarrista Ingrid Lobo. Em pauta, há canções de Cazuza que marcaram época e ainda fazem sucesso nas vozes de várias gerações, como “O tempo não pára”, “Ideologia” e “Todo amor que houver nessa vida”. Escolhido a dedo, o repertório também contemplará músicas do lado “B”, pouco conhecidas pelas massas, como “Subproduto do Rock” e “Medieval II”.

“Fico feliz em ter a oportunidade de fazer essa homenagem em forma de live nessa data tão significativa”, destaca Cris Couto, que deve realizar, ainda, a realização de um pocket show para as mulheres e crianças em situação de violência acolhidas pelo Centro de Valorização da Mulher (Cevam), em projeto viabilizado pela Lei Aldir Blanc 2021, por meio do Edital de Música, com produção executiva assinada pela Cereja do Cerrado Produções.

Continua após a publicidade

A artista

Nascida no município de Paraúna e radicada em Goiânia, Cris Couto iniciou sua carreira no ano de 1989 e, desde então, se apresenta em bares, restaurantes, eventos particulares e projetos culturais. Nesses 32 anos de carreira, levou seu canto a vários estados brasileiros, como Minas Gerais, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Paraná e todo estado de Goiás, além de países como Paraguai, Bolívia e Estados Unidos.

A cantora, que morou por um período nos EUA, também soma importantes parcerias com grandes nomes da música internacional, como a gravação da música “Western Blues”, do compositor norte-americano David Wunder, e o Duo Trem de Música, formado com o tecladista Norte-americano Richard Mueller. Além da carreira solo, também foi vocalista da banda Língua Solta e integrou a banda performática Pau Pedra.

Continua após a publicidade