logomarcadiariodegoias2017

Marconi Perillo - Águas Lindas - Hospital de Urgêngias - Foto Wagnas Cabral 01.jpg O governador Marconi Perillo tornou realidade hoje o sonho de milhares de moradores de cidades localizadas na região do Entorno do Distrito Federal. Ao lado do secretário de Saúde, Leonardo Vilela, e do prefeito Hildo do Candango, Marconi entregou a primeira etapa do mais novo hospital estadual de Goiás - o Hospital Estadual de Urgências de Águas Lindas de Goiás.

Concebido para se tornar referência no atendimento à população da macrorregião Nordeste, o hospital de Águas Lindas irá atender a uma população estimada em 1,2 milhão de habitantes. Sua capacidade operacional é de 124 leitos com mais 25 outros leitos auxiliares.

Na mesma solenidade ocorrida nas dependências do hospital, o governador anunciou que inaugurava na oportunidade a ampliação do sistema de água da cidade, uma obra avaliada em cerca de R$ 7 milhões e que elevará para mais 900 o número de ligações domiciliares. 

Antes de deixar a cidade, ele realizou vistoria em quatro novas escolas Padrão Século XXI em construção no município. Estão em andamento, as obras de construção das escolas no Mansões Odisséia, Mansões Village, Jardim Brasília e Jardim América.

O secretário de Saúde, Leonardo Vilela, declarou que o hospital de Águas Lindas tem a qualidade dos nossos hospitais, reconhecidos em todo o Brasil pela qualidade dos serviços que presta. "Ele será público e gratuito para atender principalmente aqueles mais necessitados", salientou.

Leonardo anunciou que o Estado já investiu mais de R$ 17 milhões nas obras e outros R$ 30 milhões estão sendo dispendidos para a aquisição dos equipamentos que estão chegando dos Estados Unidos e da Europa. "Teremos aqui todo tipo de equipamentos necessários para o bom funcionamento do hospital", acrescentou.

O funcionamento da primeira etapa, segundo o secretário de Saúde, deverá ocorrer no dia 30 de junho. Até lá, a pasta irá providenciar a licitação para a contratação da Organização Social - OS - que ficará a cargo de administrá-lo.

Hildo do Candango, prefeito de Águas Lindas, manifestou-se feliz por ser parceiro de Marconi no Entorno. "Ter um governador que trabalha, que fez muito pelo Estado é um privilégio para mim", afirmou.

"O governador gosta de gente, gosta de Águas Lindas. Obrigado pelo compromisso que tem conosco. Hoje, ao contrário do que ocorria antes de Marconi, nossa população tem a atenção do governo", declarou.

Marconi lamenta mentiras - O governador fez um histórico do Hospital de Águas Lindas, lembrando que ele começou a ser edificado pela Prefeitura e que, depois de muitos anos, acabou sendo encampado pelo governo do Estado. "Dava dó chegar aqui e ver o esqueleto de uma obra tão importante quanto essa", observou.

Ele esclareceu que, diante da impossibilidade de a prefeitura alocar recursos para o prosseguimento das obras de construção do hospital, solicitou ao prefeito Hildo que repassasse a unidade para o governo do Estado. "Assumimos a obra e, graças a Deus, hoje já estamos inaugurando a primeira etapa, após investirmos quase R$ 50 milhões na construção", destacou.

O governador manifestou seu dissabor com o que chamou de "maldade" dos opositores quando tratam do Hospital de Águas Lindas. É incrível como existem políticos levianos e maldosos que usam programas eleitorais de televisão para mentir. Eles sabem da verdade sobre esse hospital, mas mentem, na tentativa de nos prejudicar perante a população".

“Um novo desafio - explicou - será a manutenção do hospital. Por mês, para que ele funcione plenamente, o governo terá de desembolsar R$ 8 milhões, quase R$ 100 milhões por ano. "Ele vai funcionar como funcionam nossos outros hospitais estaduais. Vocês vão ver acontecer o inverso do que ocorria, quando os doentes da região procuravam os hospitais de Brasília para atendimento. A partir de agora, e isso já tem acontecido com os hospitais de Goiânia e Anápolis, o pessoal de Brasília é que vai procurar Águas Lindas em busca de tratamento médico", salientou.

O governador também informou que o Estado está investindo R$ 25 milhões nas escolas padrão século XXI de Águas Lindas. Ao encerrar, disse que algumas pessoas estão confundindo a sua desincompatiblização com o fim de seu mandato. "O meu mandato vence em dezembro. As obras em andamento, portanto, estão sendo construídas dentro do meu mandato", explicou. 

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH