23 de abril de 2024
ATUALIZAÇÃO

Cidade de Goiás: atividades no centro histórico estão voltando a normalidade, diz CBM-GO

Com as fortes chuvas, Prefeitura da Cidade de Goiás tem tomado medidas preventivas para evitar grandes desastres
Acervo documental do Museu Casa de Cora Coralina teve que ser transferido. (Foto: Iphan)
Acervo documental do Museu Casa de Cora Coralina teve que ser transferido. (Foto: Iphan)

Desde terça-feira (20) a Cidade de Goiás está em alerta devido às fortes chuvas, que inclusive fizeram o Rio Vermelho transbordar, potencializando risco de enchentes e prejuízos aos prédios históricos. Segundo o Capitão Thiago Wening, do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás (CBM-GO), as atividades no centro histórico do município estão voltando a normalidade nesta quinta-feira (22).

“Hoje as atividades ordinárias aqui na Avenida Beira Rio, no centro histórico da Cidade de Goiás, estão voltando à normalidade. O volume estimado de chuva para as 24 horas de hoje é entre 10 e 40 mm, então é baixa comparada aos outros dias e o volume do rio retornou à sua calha normal. Está tudo dentro da normalidade”, tranquilizou a população.

No centro histórico da Cidade de Goiás, o acervo documental do Museu Casa de Cora Coralina, localizado ao lado da ponte sobre o Rio Vermelho, foi transferido para o convento dos padres dominicanos da Igreja do Rosário. Entre os itens do acervo estavam manuscritos, fotografias, jornais e outros documentos pessoais da grande poetisa Cora Coralina.

Segundo a diretora do museu, Marlene Vellasco, o acervo de Cora é insubstituível, contendo mais de 10 mil documentos históricos. “O resto a gente consegue restaurar como já fizemos antes. Agora, a parte da escrita de Cora Coralina, essa não pode ser atingida”, diz.

A reabertura do museu, um dos maiores pontos turísticos da Cidade de Goiás, acontecerá mediante orientação da Defesa Civil. “Nesse momento, nós não sabemos quando vamos reabrir o Museu Casa de Cora Coralina, só vai depender do rio, se ele abaixar e depois que a Defesa Civil nos der autorização. O patrimônio é poderoso para o estado e nós temos que preservar”, afirma a diretora.

Ações preventivas

A Prefeitura da Cidade de Goiás, em conjunto com a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, tem realizado ações preventivas com os altos volumes de chuva que tem atingido o município. Prédios e ruas próximos ao Rio Vermelho têm sido evacuados e isolados. De acordo com o tenente Higor Souza Eller, o objetivo seria prevenir possíveis desastres.

“O rio ainda está em níveis altos, mas já reduziu um pouco. Estamos orientando a população para que tome os devidos cuidados, não se aproxime das margens e também não fique circulando com veículos próximos aos locais isolados pelos bombeiros”, afirmou.

Pacientes que estavam internados no Hospital São Pedro também tiveram que ser retirados do prédio durante a noite de terça, sendo transferidos para outras unidades de saúde.


Leia mais sobre: / / / / / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.