17 de agosto de 2022
Demandas

Centro de Bem-Estar Animal recebe remessa de insumos e medicamentos

A unidade administrada pela Amma atende animais domésticos encaminhados por Organizações Não Governamentais (ONG´s) devidamente cadastradas
(Foto: Amma)
(Foto: Amma)

A Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), entregou, na tarde desta quarta-feira (20/07), remessa de medicamentos e insumos ao Centro de Saúde e Bem-Estar Animal, localizado no Jardim Balneário Meia Ponte, em Goiânia. A unidade administrada pela Amma atende animais domésticos encaminhados por Organizações Não Governamentais (ONG´s) devidamente cadastradas, e por pessoas em situação de vulnerabilidade social.

A remessa entregue ao programa consiste em insumos e medicamentos em carregamento que supre as demandas da unidade pelos próximos 12 meses. Entre os itens conferidos, estão algodão, álcool em gel, luvas, seringas e soro. Todo o material é destinado ao atendimento diário dos cães e gatos recebidos pela unidade. Atualmente, o centro assiste, em média, de dez a 20 animais diariamente, de forma totalmente gratuita.

Na entrega, Rogério Cruz ressaltou que o centro consolida a formação de políticas públicas implementadas para a prevenção do sofrimento animal. “Fomos pioneiros, no Centro-Oeste, a oferecer serviços veterinários gratuitos e disponibilizar atendimentos completos aos animais, sejam domésticos ou resgatados”, salientou.

Continua após a publicidade

O Centro de Saúde e Bem-Estar Animal foi inaugurado em 2020 e, desde então, presta atendimento ambulatorial a animais encaminhados por protetores independentes, Organizações Não Governamentais (ONG´s) e pessoas em situação de vulnerabilidade social inscritas no CadÚnico. Os serviços contemplam, por exemplo, consultas, pequenas suturas e medicamentos emergenciais.

Contudo, há o projeto, em vias de finalização, de adaptação de salas da unidade para centro cirúrgico. Deste modo, o atendimento será ampliado para a realização de cirurgias de castração em animais de pequeno porte. “Uma preocupação é reduzir o abandono e o crescimento dos animais em situação de rua, por isso, a urgência em adequar a estrutura”, explicou o presidente da Amma, Luan Alves.