19 de julho de 2024
População

Censo 2022: Goiás tem mais mulheres do que homens; veja dados

Ao todo o estado registra 122,6 mil mulheres a mais que os homens. No geral, o número representa 50,87% da população
Segundo a pesquisa, em Goiânia são 90,1 homens para cada 100 mulheres (Reprodução)
Segundo a pesquisa, em Goiânia são 90,1 homens para cada 100 mulheres (Reprodução)

O Censo Demográfico 2022, divulgado nesta sexta-feira (27) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), confirma que as mulheres são a maioria em Goiás. Ao todo o estado registra 122,6 mil mulheres a mais que os homens. No geral, 50,87% da população goiana é composta por mulheres e 49,13% são homens.

Em Goiânia o percentual de homens é de 47,37%, em quanto que as mulheres representam 52,63% da população no município. Na capital do estado são 90,1 homens para cada 100 mulheres. Já em Aparecida de Goiânia os dados são um pouco mais equilibrados. Na cidade, os homens representam 49,03% da população, e as mulheres, 50,97%.

Inverso

Mesmo com um maior índice de mulheres no estado, alguns municípios registraram uma maior quantidade de homens em relação as mulheres. Entre elas está a cidade de 53,23% de homens em comparação com 46,77% de mulheres, sendo 113,82 homens para cada 100 mulheres. No município de Perolândia são 53,17% de homens e 46, 83% são do sexo feminino, com média de 113,54 homens para cada 100 mulheres.

Nacional

Goiás não é o único estado em que as mulheres são maioria. Na região Sul, por exemplo, Porto Alegre (RS) é o município mais povoado por mulheres, com 53,99% dos habitantes. Já no Sudeste as mulheres são mais numerosas em Santos (54,68%). No Rio de Janeiro, as mulheres totalizam 53,59% e, na capital paulista, 52,96%.


Leia mais sobre: / / / / Notícias do Estado

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019