09 de agosto de 2022
Cidades

Catalão informa rompimento de três represas com maior chuva em quase 50 anos

Vias próximas à represa ficaram totalmente alagadas. (Foto: Reprodução)
Vias próximas à represa ficaram totalmente alagadas. (Foto: Reprodução)

Três represas se romperam na madrugada desta quarta-feira (29), em Catalão. Os rompimentos foram informados na manhã de hoje, em coletiva de imprensa convocada pela Defesa Civil da cidade.

Continua após a publicidade

Conforme o coordenador Leonardo Martins, se romperam as represas do Paquetá e das propriedades do seu Wilton e seu Acrísio. Outros represamentos grandes, como do Campo Belo e do Povo, resistiram ao grande volume de água.

“A chuva desta madrugada comprometeu muito o complexo de represas. Graças à sustentabilidade do nosso sistema, danos maiores não aconteceram”, afirmou Martins. “Graças a Deus a represa do Campo Belo resistiu, se não viriram para outras, inclusive do Povo”, acrescentou.

A meteorologia informou que foram 150mm de chuva em Catalão de terça para quarta. A pluviometria é a maior desde 1972, quando foram registrados 130mm na cidade.

Continua após a publicidade

Há previsão de mais chuvas na cidade nesta quarta-feira. O risco fez com que a Defesa Civil fechasse o trânsito na avenida Raulina Paschoal. O comércio na via também foi proibido. As autoridades pedem que pedestres evitem andar na região central até que a Prefeitura divulgue novas informações.

“Pedimos para evitarem o Centro até que os técnicos possam verificar e monitorar as represas. Das cinco, três se romperam. Estamos preocupados e em alerta. Pedimos à população para voltar a trafegar só com segurança. Evitem os locais fechados até que os reais danos sejam informados”, pontuou o coordenador da Defesa Civil.

Danos em ruas e ciclovias na região das represas foram registrados nesta manhã em Catalão. Segundo os Bombeiros, várias pessoas precisaram ser retiradas de casas que tinham risco de alagamento e desabamento. O número total ainda não foi contabilizado pela corporação.