29 de maio de 2024
Empresas e Negócios

“Capacitar empreendedores” esse é o passo para o desenvolvimento, diz secretário

Secretário Adriano Rocha Lima, mostra os principais investimentos tecnológicos que estão vindo para Goiás.
Secretário Adriano Rocha Lima, mostra os principais investimentos tecnológicos que estão vindo para Goiás.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Adriano Rocha Lima, durante entrevista no Jornal da Manhã na Rádio Bons Ventos FM, fez um balanço sobre os 100 dias do governo Caiado. Além, dos principais investimentos tecnológicos que estão vindo para Goiás.

Apesar dos problemas enfrentados pela nova gestão, Adriano destaca que existem várias coisas para comemorar nestes 100 dias de governo Caiado. “É uma pena nós assumimos um governo que ao invés de aplicar o plano de governo, temos que dedicar esses 100 dias em grande parte a resolver os problemas do governo anterior. Isso é realmente uma pena, porque a população fica na expectativa daquilo que a gente veio para fazer. Mas, Isso está sendo superado, estamos olhando para frente trazendo várias iniciativas promissoras para o Estado de Goiás”, afirma.

O secretário explica que estão investindo em capacitação para que os empreendedores e donos de microempresas possam desenvolver um plano de negócio e tenham acesso a concessão de crédito para crescer e acelerar o seu negócio. “Em créditos nós concedemos R$ 6 milhões nos três primeiros meses atendendo mais de mil empreendedores”.

“Eu sempre digo que o papel do governo na área de tecnologia tem que ser o de orquestrar, temos que evoluir da ideia de achar que para o Estado crescer precisamos conceder incentivos fiscais. Existe capital em abundância para investimentos em boas ideias, o governo precisa identificar o ambiente própicio para que essas boas ideias crescam e todos os outros elementos que vão propiciar que essa ideia se transforme em um novo empreendimento que receba capacitação para que as empresas possam ter um corpo para se desenvolver”, destaca Adriano.

De acordo com o secretário é preciso investir em parques tecnológicos, mas fortalecer outros. “Investindo na nossa rede de capacitação, assim estamos trazendo um novo dinamismo para a matriz econômica do Estado, diversificando e trazendo investimentos sustentáveis também”, ressalta.

Parceria

Sobre parcerias firmadas, Adriano disse que na semana passada foi feita com o Instituto Campus Party a vinda do maior evento tecnológico. “Eu diria que será a maior experiência em tecnologia do mundo, que é a Campus Party que acontece dos dias 4 a 8 de setembro em Goiânia”, disse.

O evento deve reunir um público das mais variadas faixas etárias. “É uma verdadeira imersão tecnológica, onde além de ver as palestras dos mais renomados pesquisadores e expertes em tecnologia do mundo. Nós temos também a produção de produtos durante o evento, onde os jovens que ali estão vivem o evento em 24 horas”, completa.

O Campus Party está sendo feito com apoio do Sebrae e Senar. “É um evento gigantesco de tecnologia, e aqui em Goiás nós definimos três temas que vão pautar todas as iniciativas dentro do evento. Primeiro tema é dentro da área de logística e também vamos investir na área de segurança e de AgriTec que é a tecnologia dos fortes da agricultura goiana. Com isso esperamos trazer diversos novos produtos que surgem a partir desse momento de cinco dias vivendo de imersão tecnológica”, pontua o secretário.

Dentro desse evento, Adriano explica que existirá a possibilidade de um grupo de desenvolvedores que estão presentes na Campus Party serem premiados, resolvendo o desafio proposto. “É lançado o desafio para que durante aqueles 4 a 5 dias eles saiam dalí com o produto pronto e a solução. Aqueles que tiverem a melhor solucao são classificados em primeiro lugar, segundo e terceiro e assim por diante, sendo premiados. Não é um evento para ficar simplesmente observando, é um lugar onde você vive a tecnologia”, diz.


Leia mais sobre: / / / / / / Empresas e Negócios