24 de junho de 2024
Política • atualizado em 03/06/2020 às 09:05

Câmara aprova pedido de cassação de prefeito de Hidrolândia

Prefeito Paulo Sérgio, de Hidrolândia teve pedido de cassação aprovado. (Foto: Altair Tavares)
Prefeito Paulo Sérgio, de Hidrolândia teve pedido de cassação aprovado. (Foto: Altair Tavares)

A Câmara Municipal de Hidrolândia aprovou pedido de cassação do mandato do prefeito Paulo Sérgio de Resende, o Paulinho (PSDB), que também preside a Associação Goiana dos Municípios (AGM). A matéria ainda será analisada por uma comissão, recém-criada, e precisa ser aprovada por dois terços dos parlamentares para ser validada.

prefeito paulo sergio hidrolandia foto altairtavares
Prefeito Paulo Sérgio, de Hidrolândia teve pedido de cassação aprovado. (Foto: Altair Tavares)

O pedido de cassação foi feito vereador Fabrício Cruvinel (Progressistas) e foi aprovado por 9 dos 11 vereadores da cidade. A justificativa do parlamentar é que o gestor não respondeu um ofício encaminhado pela Câmara em tempo hábil.

Havia sido solicitado em 8 de maio que a prefeitura encaminhasse informações relativas aos gastos com saúde. Paulo Sérgio teria indicado gastos extras durante a pandemia do novo coronavírus como justificativa para não concessão do reajuste anual aos servidores municipais.

A Câmara criou uma comissão para avaliar o requerimento de cassação. Por sorteio, foi escolhido como presidente o vereador Deusimar Augusto Mendes e a relatoria ficou a cargo de Edvaldo Soares dos Santos.

A maioria dos 11 vereadores mudou de partido durante a janela partidária deste ano e agora compõe a oposição. A reportagem não conseguiu contato com o prefeito Paulo Sérgio para comentar os fatos.


Leia mais sobre: / / Política