24 de junho de 2024
Transição

Caiado viaja e transmite cargo de governador a Daniel Vilela

Danie Vilela deverá permanecer no cargo até o próximo domingo (23)
O governador Ronaldo Caiado (UB) transmitiu o cargo ao vice, Daniel Vilela (MDB). (Foto: Divulgação/Governo de Goiás)
O governador Ronaldo Caiado (UB) transmitiu o cargo ao vice, Daniel Vilela (MDB). (Foto: Divulgação/Governo de Goiás)

Após cogitar cancelar a viagem que faria a Londres, para participar da Conferência Lide Brazil, o governador Ronaldo Caiado (União Brasil) partiu na tarde desta terça-feira (18/04) e transmitiu o cargo ao vice-governador Daniel Vilela (MDB) que assumirá pela primeira vez até o retorno do médico ortopedista.

Em Londres, na Inglaterra, junto a outros governadores, Caiado fala no Painel 2, a ser realizado às 9h30, horário local, com o tema “Fatores de Desenvolvimento Econômico e Social do Brasil: perspectivas de ambiente de negócio e confiança de investidores”. O debate será mediado pelo jornalista Michael Stott, editor do Financial Times para a América Latina. 

Participam do evento as ministras Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança do Clima); Simone Tebet (Planejamento e Orçamento); ministro Carlos Fávaro (Agricultura, Pecuária e Abastecimento); senador Rodrigo Pacheco, presidente do Congresso Nacional; e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. 

Dentre os governadores, também estarão Tarcísio de Freitas (SP), Helder Barbalho (PA), Cláudio Castro (RJ) e Renato Casagrande (ES). Participam ainda os economistas Henrique Meireles e Joaquim Levy, e o presidente da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Isaac Sidney. O evento é organizado pelo empresário e ex-governador de São Paulo, João Dória.

Além das autoridades, são esperados cerca de 300 empresários e investidores do Brasil e do Reino Unido, com objetivo de aproximação e realização de negócios entre os países


Leia mais sobre: Política

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.