16 de julho de 2024
Atualização • atualizado em 13/06/2024 às 18:29

Caderneta da Criança terá teste para detecção precoce de risco para autismo, anuncia MS

De acordo com o Ministério da Saúde, a novidade é apenas um teste de triagem, que trará também orientações para cuidadores e profissionais de saúde
A versão digital da nova Caderneta da Criança já está disponível do site do Ministério da Saúde. Foto: Reprodução
A versão digital da nova Caderneta da Criança já está disponível do site do Ministério da Saúde. Foto: Reprodução

O Ministério da Saúde (MS) anunciou o lançamento da nova edição da Caderneta da Criança – Passaporte da Cidadania. Entre as novidades, o teste para detecção precoce de risco para transtorno do espectro autista (TEA). A previsão é que o novo modelo seja encaminhado no segundo semestre de 2024, mas,o formato digital já está disponível no site da pasta com uma versão para meninos e outra para meninas.

A nova edição da Caderneta traz ainda orientações adicionais para cuidadores e profissionais de saúde sobre a aplicação e a interpretação do exame de autismo. O MS ressalta que trata-se apenas de um teste de triagem, não de confirmação de diagnóstico, tendo acrescentada a entrevista de seguimento que deve ser aplicada quando a primeira etapa do teste tiver resultado positivo.

A pasta afirmou que a atualização com foco para atendimento precoce a crianças do espectro autista é fundamental para trazer informações importantes para os responsáveis, cuidadores e profissionais de saúde, educação e assistência social envolvidos. “As informações também são relevantes para que as famílias compreendam o significado do teste e que o diagnóstico de crianças com autismo necessita de uma equipe multiprofissional”, destacou o ministério.

Além da novidade voltada para o atendimento a crianças autistas, a nova edição da Caderneta da Criança traz o calendário de vacinação infantil atualizado. Conforme a pasta, o incremento consta, inclusive, com a nova dose contra Covid-19, incluída na campanha de vacinação infantil a partir deste ano.

Com informações da Agência Brasil


Leia mais sobre: / / / Geral

Luana Cardoso

Luana

Atualmente atua como repórter de cidades, política e cultura. Editora da coluna Crônicas do Diário. Jornalista formada pela FIC/UFG, Bióloga graduada pelo ICB/UFG, escritora, cronista e curiosa. Estagiou no Diário de Goiás de 2022 a 2024.