17 de agosto de 2022
Desaparecimento • atualizado em 15/06/2022 às 14:42

Bolsonaro afirma que jornalista Dom Phillips era “malvisto” por garimpeiros na Amazônia

Correspondente britânico e indigenista brasileiro estão desaparecidos há mais de uma semana na região amazônica
Dom Phillips faz pergunta a Jair Bolsonaro durante café da manhã, em 2019 (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Dom Phillips faz pergunta a Jair Bolsonaro durante café da manhã, em 2019 (Foto: Marcos Corrêa/PR)

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta quarta-feira (15/06), que o jornalista britânico Dom Phillips, desaparecido na Amazônia há mais de uma semana junto com o indigenista brasileiro Bruno Pereira, “era malvisto na região porque ele fazia muita matéria contra garimpeiro”.

“Aquela região lá, região bastante isolada, muita gente não gostava dele. Tinha que ter mais do que redobrado a atenção para consigo próprio”, afirmou Bolsonaro durante entrevista a um canal no YouTube.

“A gente não sabe se quando, saiu do porto, só dois, alguém viu e foi atrás dele. Lá tem pirata no rio, tem tudo o que se possa imaginar lá. É muito temerário você andar naquela região sem estar devidamente preparado fisicamente e também com armamento”, completou o presidente.

Continua após a publicidade