17 de abril de 2024
Educação

Bolsa Universitária tem dívida de R$ 76 milhões com faculdades, 2019 está em dia

{nomultithumb}

O Sindicato das Entidades Mantenedoras do Ensino Superior do Estado de Goiás (Semesg) disse estar articulando junto ao Governo Estadual sobre os pagamentos referentes ao programa Bolsa Universitária. O governo está pagando  2019 normalmente, mas está em negociação os oito meses pendentes da administração anterior.

De acordo com o presidente do Semesg, professor Jorge Bernardo, o sindicato mantém um diálogo sincero, aberto e de confiança junto ao Governo desde o inicio da atual gestão no sentido de que o problema seja resolvido. “O governo tem pago normalmente conforme combinado, isto é décimo dia útil após o mês da prestação de serviço”, disse o presidente da Semesg.

Ele explicou ainda que uma audiência com a diretoria da entidade o governador Ronaldo Caiado assumiu o compromisso de  efetuar os pagamentos desse ano em dia e parcelar a dívida anterior em cronograma a ser definido. “Quanto ao pagamento de R$ 76 milhões referente aos oito meses de 2018, estamos aguardando o cronograma de pagamento a ser elaborado pelo governo. A princípio está pré agendada para o dia 22 reunião com a presidente de honra da OVG, Gracinha Caiado par tratarmos do assunto”, relatou Jorge.

O presidente reconhece as dificuldades financeiras enfrentadas pelo Estado, mas, que a situação das entidades mantenedoras do Bolsa Universitária é considerada insustentável uma vez que estão se sacrificando para manter seus compromissos com trabalhadores, prestadores de serviços e fornecedores. “Muitos estabelecimentos correm o risco de fecharem suas portas se o problema não for solucionado o mais rápido possível”, afirma.

Leia Mais

Governo de Goiás ativa 55 leitos pediátricos com presença do ministro da saúde nesta sexta-feira (12)

Governo assina instalação de 20 empresas em Goiás

Saúde do Governo de Goiás promete aumentar leitos pediátricos e UTI’s neonatais

 


Leia mais sobre: / / / Educação