08 de agosto de 2022
Goiânia • atualizado em 15/07/2020 às 12:19

Bares e restaurantes comemoram sucesso no primeiro dia de reabertura

Bar com público máximo permitido em Goiânia. (Foto: Reprodução/Redes sociais)
Bar com público máximo permitido em Goiânia. (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Depois de cerca de 120 dias, os goianienses puderam voltar a desfrutar da rica diversidade de bares e restaurantes da capital nesta terça-feira (14). O que se viu em muitos desses estabelecimentos fui um grande público, boa parte com a capacidade máxima permitida atingida e alguns até com fila de espera.

Os relatos de consumidores denotam que, apesar do temor da epidemia, as regras sanitárias adotadas pelo segmento trouxeram sensação de segurança. Conforme a prefeitura de Goiânia e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Goiás (Abrasel-GO), não houve registro de descumprimento dos protocolos.

O deleite do retorno se estendeu, além dos clientes, aos empresários. A ansiedade para voltar à ativa finalmente acabou e a experiência da reabertura foi descrita como inesquecível. “Para o pontapé inicial, foi uma grande noite. As calçadas de Goiânia voltaram a ter vida. Isso para nós é gratificante”, afirmou o presidente da Abrasel-GO, Fernando Jorge. “A saudade era grande”, lembrou.

Continua após a publicidade

Conforme a Abrasel-GO, além do comprometimento de empresários e colaboradores, os frequentadores também se aliaram à segurança sanitária. “Eles aderiram muito bem às novas práticas, com respeito e segurança ao próximo”, relata o presidente da entidade. “O cliente entendendo que faz parte desse processo e cumprindo também as normas, é sucesso. Quando todos se unem para entregar o melhor, se torna esse sucesso da primeira noite”, completou.

Muitos estabelecimentos do segmento mantiveram-se de portas fechadas no primeiro dia, ainda se adaptando à nova realidade. Segundo Fernando Jorge, pelos próximos 15 dias ainda haverá bares e restaurantes reabrindo pela primeira vez e, para ele, Goiânia deve continuar sendo exemplo. “Ontem demos exemplo de responsabilidade, educação e sensatez ao Brasil nesses novos tempos de consumo”, afirmou.

Fiscalização

Continua após a publicidade

Fiscais da prefeitura de Goiânia farão, nesta quinta-feira (16), vistorias nos estabelecimentos do setor. A ação visa garantir o cumprimento dos protocolos sanitários. Quem não segui-los, pode ser multado em até R$ 4,6 mil. A administração esclareceu que, nas mesas, clientes não precisam usar máscaras pela prerrogativa de estarem se alimentando. Contudo, mesmo nesses casos, é necessário portar uma e utilizá-la antes e depois de deixar o local.