25 de maio de 2024
Obsolescência programada • atualizado em 26/08/2022 às 05:02

Apple anuncia evento para revelar nova geração de iPhone 14 e outros modelos; confira detalhes

Aparelhos, obviamente serão mais caros que os da geração anterior: cerca de 15% de aumento no preço
Esta imagem do novo aparelho não é oficial, sendo apenas um rumor, até então. (Foto: reprodução)
Esta imagem do novo aparelho não é oficial, sendo apenas um rumor, até então. (Foto: reprodução)

Depois de boatos sobre a data para lançamento do celulares do ano, a Apple, sem grandes surpresas, confirmou evento para o dia 7 de setembro. Far out é o nome dado à conferência, que tem um tema todo ano e, na data, são esperadas as novidades relacionados com o iPhone 14, que deverá ser composto por modelos standard e Pro de 6,1 polegadas e o Max e Pro Max com 6,7 polegadas e mais três aparelhos. Este ano não, porém, um dos boatos é de que não haverá a versão pequena de 5,4 polegadas.

O iPhone 14 Pro ainda deve chegar ao mercado com armazenamento mínimo de 128 GB, o mesmo encontrado atualmente no iPhone 13 Pro. É o que prevê o analista Jeff Pu, da consultoria Haitong Internacional como divulgado pelo site TechTudo. Segundo o portal, a empresa de pesquisas TrendForce, porém, fez outra previsão, a de que o armazenamento mínimo dos aparelhos passariam para 256 GB na nova geração.

Além disso, obviamente existe um forte tendência da Apple aumentar o preço do novo aparelho. Como se a obsolescência programada por si só já não fosse exagerada, já que um modelo de telefone por ano é, aparentemente, desnecessário, o portal de notícias informou que o analista Ming-Chi Kuo, famoso pelo seu conhecimento sobre a cadeia de suprimentos da companhia, sugeriu que os modelos do iPhone 14 Pro serão mais caros que os modelos do iPhone 13 Pro.

O preço médio de venda de toda a linha do iPhone 14 aumentará cerca de 15% ao longo do ano, diz a previsão. Nos Estados Unidos, o preço do iPhone 13 Pro começa em US$ 999 (R$ 5.152) e o iPhone 13 Pro Max parte de US$ 1.099 (R$ 5.668). Caso ocorresse o aumento de 10% na nova geração, os valores seriam de US$ 1.099 (R$ 5.668) e US$ 1.199 (R$ 6.184), respectivamente. No Brasil, a média está entre 8 e 9 mil reais.

Sobre o novo aparelho, fotos não oficiais foram divulgadas na internet recentemente. As principais especulações do iPhone 14 mostram o celular com um notch mais discreto, em formato pílula, no alto da tela e o novo chip A16 Bionic, 30% rápido que o modelo anterior, para os aparelhos mais caros. A câmera traseira poderá apresentar 48 megapixels com suporte para gravação de vídeo 8K. Veja fotos:


Leia mais sobre: / / Tecnologia

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.