17 de agosto de 2022
Quase pronto • atualizado em 09/06/2022 às 18:42

Após inauguração do viaduto Iris Rezende, Prefeitura concentra esforços para entregar reforma do Terminal Isidória

Obras são imprescindíveis para a operação do BRT Norte-Sul
Terminal Isidório deve ser entregue até o final deste mês (Foto: Jucimar de Sousa/Prefeitura de Goiânia)
Terminal Isidório deve ser entregue até o final deste mês (Foto: Jucimar de Sousa/Prefeitura de Goiânia)

Uma das principais obras da gestão anterior, a entrega da reforma do Terminal Isidória passou a ser prioridade para o prefeito Rogério Cruz (Republicanos). O republicano destacou a importância da obra após inaugurar o Viaduto Iris Rezende Machado na tarde desta quinta-feira (09/06). Ambas as obras são fundamentais para o futuro BRT Norte-Sul que ainda não tem data para ser entregue.

“A última obra deixada pela gestão passada é o Terminal Isidória. A parte da Prefeitura já está concluída, apenas aguardando a empresa fazer os últimos testes para que possa entregar a obra para a Prefeitura. A parte de tecnologia e de cabos já está pronto”, explicou o prefeito em entrevista coletiva.

Assim que a Prefeitura receber o Terminal, Redemob Consórcio será convocado para que possa assumir a gestão operacional do local. “Após a instalação, podemos iniciar [a operação], independente se tiver o BRT ou não. Os ônibus convencionais vão poder circular saindo do Terminal Isidória até o Recanto do Bosque usando a via do BRT temporariamente”, destacou.

Continua após a publicidade

Nessa toada, também estão inseridos as obras que envolvem a Praça Cívica. “Até o final do junho os anéis internos da Praça Cívica já serão entregues e a partir daí podemos fazer com que haja os abrigos de ônibus transparentes para receber os passageiros dos ônibus convencionais, até que se monte os abrigos e as estações do BRT. Provavelmente, a Redemob solicita de quinze a vinte dias para a instalação de seus equipamentos. Até o final de junho já teremos o Terminal Isidório entregue a população”, concluiu.