13 de junho de 2024
Preocupado • atualizado em 17/05/2023 às 17:06

Após Deltan, Moro também pode ter mandato cassado pela Justiça Eleitoral; entenda 

Tramita no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), um processo movido pelo PL contra Moro, por uma suposta prática de Caixa 2
Sérgio Moro também pode ter mandato cassado pela Justiça Eleitoral (Foto: Pedro França/Agência Senado)
Sérgio Moro também pode ter mandato cassado pela Justiça Eleitoral (Foto: Pedro França/Agência Senado)

O ex-juiz e senador Sergio Moro (UB-PR), também deve entrar na mira da Justiça Eleitoral após a cassação de mandato do agora ex-deputado federal Deltan Dallagnol. A informação é do jornal Folha de S. Paulo.

Tramita no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), um processo movido pelo PL contra Moro, por uma suposta prática de Caixa 2. A acusação diz respeito ao período em que o ex-juiz ainda era presidenciável, quando mudou do Podemos para o União Brasil.

Vale lembrar que durante a Operação Lava Jato, que levou à prisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), ambos atuaram juntos. Na ocasião, Moro era juiz e Deltan, procurador.

Segundo informações de interlocutores, na semana passada, Moro estava preocupado com o processo contra Dallagnol. Informações que em meio a tensão, o ex-juiz procurou apoio da família Bolsonaro para evitar “o pior”, como a perda de mandato do colega.

Ainda segundo informações de interlocutores, Moro afirmou em conversas, que depois de cassar Dallagnol, ele seria o próximo. “Eles vêm para cima de mim”.

PL pede cassação de Moro

O PL pede a cassação do ex-juiz Sergio Moroalegando que seus gastos no Podemos, partido pelo qual planejava disputar a presidência, resultaram em benefícios eleitorais.

Esse valor ultrapassaria o teto da campanha de sua candidatura para o Senado, que era de aproximadamente R$ 4,4 milhões.

A pré-campanha de Moro teria custado cerca de 2 milhões de reais para o Podemos. Essas despesas, por ainda acontecerem na pré-campanha, não foram incluídas na prestação de contas.

Ainda nesta terça-feira (16), Moro usou suas redes sociais para lamentar a cassação de Deltan Dallagnol. “Estou estarrecido por ver fora do parlamento uma voz honesta na política que sempre esteve na busca de melhorias para o povo brasileiro”.


Leia mais sobre: / / / Política

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.