10 de agosto de 2022
Aparecida de Goiânia

Aparecida de Goiânia muda regra e fecha todo o comércio aos sábados

Comércio fechado no Setor Cidade Satélite São Luís, na macrozona Vila Brasília. (Foto: Claudivino Antunes)
Comércio fechado no Setor Cidade Satélite São Luís, na macrozona Vila Brasília. (Foto: Claudivino Antunes)

As macrozonas de Aparecida de Goiânia terão que fechar as portas também durante as manhãs de sábado a partir do próximo fim de semana. A decisão foi tomada em reunião do Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19 do município nesta quarta-feira (24).

Antes, no sábado, as macrozonas poderiam funcionar até às 13h. Aos domingos já haviam determinação para fechamento de todas elas.

Pela avaliação do colegiado, a matriz de risco segue no cenário laranja, de risco alto. Cada uma das macrozonas fecha dois dias da semana, no sábado e também no domingo, ampliando para quatro dias de portas fechadas no escalonamento regional.

Continua após a publicidade

Mesmo com as macrozonas abertas nos dias autorizados, as atividades não essenciais continuam suspensas, tais como eventos públicos e privados; cinemas, anfiteatros, museus, bibliotecas e clubes recreativos e assemelhados; academias, atividades de condicionamento físico e ensino esportivo de todas as modalidades; reuniões em áreas comuns de condomínios, inclusive áreas de churrasqueiras, quadras poliesportivas, academias e piscinas.

Também continuam suspensas atividades de clubes recreativos e parques aquáticos; e excursões com finalidade turística ou não; as aulas presenciais em estabelecimentos públicos e privados de ensino regular, técnico, preparatórios e livre nas etapas fundamental de 2ª fase, médio e superior.

“Estamos ampliando de três dias e meio para quatro dias completos de fechamento das macrozonas. Nossa proposta é reduzir a circulação de pessoas nas ruas e reduzir o índice de contaminação”, afirmou o secretário de Saúde, Alessandro Magalhães.

Continua após a publicidade