08 de agosto de 2022
Goiânia • atualizado em 20/08/2020 às 12:20

Família não confirma morte de Antônio Almeida; Dono da Editora Kelps está em estado grave

Empresário morreu nesta quinta. (Foto: Reprodução/Goiás de Norte a Sul)
Empresário morreu nesta quinta. (Foto: Reprodução/Goiás de Norte a Sul)

A família do empresário Antônio de Souza Almeida, de 70 anos, negou que o dono da Editora Kelps tenha falecido, como informado mais cedo nesta quinta-feira (20) por irmãos dele.

O irmão mais velho, Raimundo Barros, informou que o estado de saúde do empresário é gravíssimo. Ele está internado com Covid-19 e trata de um câncer na coluna. Barros disse que a família se confundiu quando recebeu um chamado do hospital em que Antônio está internado pedindo para que alguns dos integrantes fossem à unidade de saúde para se despedir.

Apesar do estado de saúde ser considerado gravíssimo, a família ainda mantém esperanças de que Antônio possa se recuperar.

Continua após a publicidade

Veja a nota da Fieg na íntegra

Com o coração cheio de esperanças comunicamos que não é verídica a notícia da morte do nosso vice-presidente Antônio Almeida. Segundo informações de familiares próximos, os médicos os chamaram ao hospital para falar sobre a gravidade do caso, fato que foi interpretado de forma errada por alguns dos familiares e repassado a nós e à imprensa. Temos esperanças e continuaremos com nossas orações.

Histórico

Continua após a publicidade

Almeida é natural da zona rural de Rio Verde. Ele se mudou para Goiânia com a família, que adquiriu uma máquina para beneficiamento de arroz e começou a vender o produto na capital e em outras localidades. O negócio, todavia, não vingou. Depois disso, ele Antônio e os irmãos se mudaram para São Paulo. Ele só voltou a Goiânia após a morte do irmão caçula.

De volta a Goiás, eles começaram no ramo gráfico. Um dos irmãos conseguiu comprar a máquina do ex-patrão e nasceu a gráfica Pirâmide, que mais tarde tornou-se a Gráfica e Editora Kelps. O início da empresa foi modesto. Logo, porém, os irmãos ganharam espaço no mercado.

Antônio Almeida tornou-se um apaixonado pela literatura e hoje é uma das grandes referências em Goiás. A Kelps foi responsável por alavancar a publicação de revelações literárias goianas e projetar escritores locais no mercado nacional.

Almeida também é uma das grandes lideranças da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg).

Na sessão da Câmara de Vereadores de Goiânia nesta quinta, vários parlamentares chegaram a lamentar a morte do empresário.