28 de junho de 2022
Informativo

América Plano Saúde vendido por R$428 milhões

Júlio Eduardo Ferro (de óculos) confirma negociação e aguarda autorização para transferência (foto divulgação)
Júlio Eduardo Ferro (de óculos) confirma negociação e aguarda autorização para transferência (foto divulgação)

O comunicado ao mercado foi feito pela adquirente HAPVIDA, de Fortaleza, para a Bolsa de Valores na tarde deste domingo, mas a negociação foi fechada no sábado atrasado (01/06) pelo valor de R$428 milhões. Todas as empresas do grupo América (América Plano de Saúde; AME Plano de Saúde; PROMED plano de saúde; Hospital Jardim América, Hospital América – Antiga Fêmina; Hospital Ortopédico PROMED) foram incluídas na negociação.

O valor da transação pode chegar a perto de R$500 milhões, dependendo das avaliações e outros detalhes que serão negociados. No “comunicado relevante” da HAPVIDA, assinada pelo diretor financeiro Bruno Cals de Oliveira (Diretor Financeiro) enviada ao Diário de Goiás, indiciam um dos motivos da venda: O endividamento da empresa próximo de R$50 milhões.

“O preço de aquisição será pago à vista, em dinheiro, descontados R$ 50 milhões referentes à (i) endividamento líquido apurado na data de fechamento da Operação; e (ii) um montante a ser retido a fim de cobrir eventuais contingências observadas no procedimento de auditoria legal e contábil”, relata a compradora no documento.

Continua após a publicidade

A transferência da propriedade, no entanto, está condicionada à autorização dos órgãos controladores do Governo Federal. “O efetivo fechamento da Operação está ainda sujeito à aprovação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), além da aprovação por parte da assembleia geral de acionistas da Companhia, a qual será oportunamente convocada para tal”.

Na tarde deste domingo, Júlio Eduardo Ferro (filho do médico Sebastião Ferro), informou à sua assessoria na área de comunicação que a negociação pode ser confirmação da venda.

A venda leva preocupação aos quase 190 mil clientes das empresa atendidas pelo grupo América Plano de Saúde tem no Estado de Goiás e sobre sua relação de prestação de serviços e preços.

Continua após a publicidade

Os dados financeiros da empresa foram detalhados no comunicado da HAPVIDA. “O Grupo América é a operadora mais verticalizada da região Centro-Oeste com carteiras de planos de saúde de cerca de 190 mil vidas, cuja receita líquida foi de aproximadamente R$ 320 milhões referente ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2018. O enterprise value do Grupo América foi fixado em R$ 426 milhões, o que representa um múltiplo implícito de 5,3x EBITDA 2020 após capturadas todas as sinergias”.