26 de maio de 2024
Pesquisa

Alvo de ataques de Bolsonaro, STF melhora imagem e 31% aprovam trabalho da Corte, diz Datafolha

Segundo o levantamento, o índice de aprovação é mais alto entre aqueles que reprovam o governo do presidente Jair Bolsonaro
STF melhora imagem e aprovação chega a 31%. (Foto: Divulgação)
STF melhora imagem e aprovação chega a 31%. (Foto: Divulgação)

O Supremo Tribunal Federal (STF), alvo de ataques por bolsonaritas e pelo próprio presidente Jair Bolsonaro (PL) foi melhor avaliado em uma pesquisa feita pelo Datafolha nos dias 19 e 20 de dezembro, e publicada pela Folha de S. Paulo. Segundo o levantamento 31% dos entrevistados aprovam o trabalho da Suprema Corte, enquanto outros 31% reprovam.

Outros 34% consideram o trabalho do STF regular e 4% não souberam responder. No último levantamento realizado nos dias 26 e 27 de julho, a aprovação era de 23% enquanto 33% reprovavam.

Ainda de acordo com a pesquisa, o índice de aprovação é mais alto entre aqueles que reprovam o governo do presidente Jair Bolsonaro, que soma 42%. O levantamento mostra também que a taxa de reprovação é mais alta entre os homens, 36% ante 26% entre as mulheres.

Ao todo foram ouvidas 2.026 pessoas em 126 municípios de todo o Brasil. O índice de confiança é de 95%. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Ataques ao STF

Antes mesmo das eleições o presidente Jair Bolsonaro (PL) fazia vários ataques ao STF principalmente contra o sistema eleitoral. Bolsonaro desqualificou a Carta pela Democracia, que foi organizada pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Além disso Bolsonaro disparou contra ministros da Corte.

Bolsonaro criticou também o ministro Luiz Fux, presidente do STF. De acordo com o presidente, Fux deveria ser investigado em inquérito. Logo em seguida, Bolsonaro voltou a atacar o ministro Alexandre de Moraes.

O ministro Luís Roberto Barroso também foi alvo de ataques do presidente. Segundo Bolsonaro, Barroso interferiu na votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso. 


Leia mais sobre: / / / Política

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.