30 de maio de 2024
Brasília

Acampamento de manifestação antidemocrática volta a ser “castigado” com chuva e alagamentos; veja vídeo

Manifestantes estão há quase duas semanas acampados na Praça dos Cristais, em frente ao quartel general do Exército de Brasília
Na última semana, local foi atingido por uma ventania que derrubou barracas e molhou alimentos. Desta vez, água tomou conta de tudo. (Imagem: Reprodução/Twitter)
Na última semana, local foi atingido por uma ventania que derrubou barracas e molhou alimentos. Desta vez, água tomou conta de tudo. (Imagem: Reprodução/Twitter)

Depois do acampamento de manifestantes antidemocráticos em Brasília, que não concordaram com o resultado das eleições em outubro, ser vítima de uma tempestade, uma chuva novamente atingiu o local, alagando a Praça dos Cristais. O local, que fica em frente ao quartel general do Exército, esta ocupado por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro há quase duas semanas faça sol ou, no caso, chuva. Veja o vídeo:

Mesmo com o alagamento, porém, a maioria dos manifestantes afirmaram que vão continuar no local. Isso por que eles pedem que instituições federais impeçam o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de tomar posse como chefe do Executivo federal.

Além do acampamento, a chuva também acabou frustrando a organização dos protestos do feriado da Proclamação da República. Muitas pessoas saíram de todo o Brasil em direção a capital para protestar, mas a forte chuva que caiu por volta das 12h dispersou os manifestantes.

As pessoas que se mantiveram, mesmo com chuva, protestando, atacavam verbalmente o Supremo Tribunal Federal (STF), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o presidente eleito Lula.


Leia mais sobre: / / Política

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.