23 de julho de 2024
Dose reforço

4ª dose da vacina anticovid em idosos acima de 80 anos começa a ser aplicada nesta sexta(25) em Aparecida

A secretaria de Saúde ressalta que para receber a nova dose de reforço, é necessário respeitar o intervalo de 4 meses da última aplicação
Nesta tarde, as equipes da SMS vão visitar o abrigo Silvestre Linhares. (Foto: Enio Medeiros)
Nesta tarde, as equipes da SMS vão visitar o abrigo Silvestre Linhares. (Foto: Enio Medeiros)

Todos os idosos de Aparecida de Goiânia, acima de 80 anos que estão aptos a receberem a segunda dose de reforço da vacina contra a covid-19, podem tomar a “quarta dose” a partir desta sexta-feira (25). No total, serão 34 postos fixos de imunização da cidade. A secretaria de Saúde ressalta que para receber a nova dose de reforço, é necessário respeitar o intervalo de 4 meses da última aplicação. Em todo município, cerca de 4 mil moradores nessa faixa etária já podem receber a segunda dose do reforço.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) iniciou, nesta quinta-feira (24), a aplicação da “quarta dose” em idosos institucionalizados. Para tanto, as equipes de imunização estão visitando os abrigos da cidade. Nesta manhã, os idosos que vivem no Comendador Walmor foram imunizados. Nesta tarde, as equipes da SMS vão visitar o abrigo Silvestre Linhares.

A coordenadora de Imunização de Aparecida, Renata Cordeiro, explica que a aplicação da segunda dose de reforço é indicada para idosos acima de 80 anos devido à redução da efetividade das vacinas contra a covid-19 ao longo do tempo, expondo esse grupo a maiores riscos de complicações da doença.

“Para recomendar a segunda dose de reforço, o Ministério da Saúde considerou que a efetividade das diferentes plataformas vacinais tem se demonstrado menor nos idosos, com redução na proteção conforme o aumento da idade, sendo mais evidente em faixas etárias avançadas”, explica.

Renata Cordeiro explica ainda que imunossuprimidos contempla o grupo de pessoas com Imunodeficiência primária grave; em tratamento quimioterápico para câncer; transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV/AIDS; que fazem uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias; uso de drogas modificadoras da resposta imune; que tenham doenças auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias; pacientes em hemodiálise; e pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

Em Aparecida, as vacinas contra a covid-19 para adolescentes, adultos e idosos estão disponíveis em 34 locais, sendo eles: Central de Imunização e nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´s) dos bairros Andrade Reis; Cardoso; Ilda; Independência; Buriti Sereno; Campos Elíseos; Cândido de Queiroz; Caraíbas; Chácara São Pedro; Cruzeiro do Sul; Expansul; Independência Mansões; Jardim Bela Vista; Jardim Boa Esperança; Jardim dos Buritis; Jardim dos Ipês; Jardim Florença; Jardim Olímpico; Jardim Paraíso; Jardim Tiradentes; Madre Germana; Nova Olinda; Papillon Park; Parque Trindade; Pontal Sul II; Residencial Anhambi; Residencial Garavelo Park; Retiro do Bosque; Riviera; Rosa dos Ventos; Santa Luzia; Santo André; e Veiga Jardim.

A Central de Imunização funciona de segunda à sexta, das 8 às 18h, e aos sábados, das 8 às 12h. Já as salas de vacinação das UBS´s ficam abertas de segunda à sexta, das 8 às 16h.

Em todos esses 34 locais estão disponíveis imunizantes para a primeira dose, segunda e para o reforço, incluindo a “quarta dose” para idosos com mais de 80 anos e para imunossuprimidos. Não é necessário agendar.

Qualquer morador com mais 12 anos pode receber a D1 nesses locais, mediante a apresentação de documento de identidade ou certidão de nascimento e cartão SUS ou CPF. Menores de 18 anos precisam estar acompanhados de algum responsável.

Já a segunda dose é aplicada mediante a apresentação de documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão SUS e o Cartão de Vacinação, de acordo com os intervalos mínimos previstos entre a primeira e a segunda aplicação: 28 dias para a Coronavac e oito semanas para Pfizer e AstraZeneca.

Qualquer pessoa acima de 18 anos que tenha recebido a segunda dose dos imunizantes Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer há quatro meses já pode receber a dose de reforço (terceira dose) mediante a apresentação documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão SUS e o Cartão de Vacinação. Quem recebeu a dose única da Janssen também pode receber o reforço no intervalo de dois meses.

Vacinação pediátrica

A vacinação infantil para crianças de 5 a 11 anos ocorre na Central de Imunização e nas UBS´s dos bairros Andrade Reis, Anhambi, Cardoso, Veiga Jardim, Retiro do Bosque, Jardim Olímpico e Cândido de Queiroz. Para receber a proteção contra o novo coronavírus, elas precisam estar acompanhadas de um responsável legal e apresentar certidão de nascimento ou RG, cartão SUS ou CPF e o cartão de vacinação. Caso o responsável não possa acompanhar, basta assinar um termo de autorização, que deve ser apresentado no momento da imunização.

Leia também:


Leia mais sobre: / / / Aparecida de Goiânia

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.