logomarcadiariodegoias2017

Maia ao lado do governador Marconi em Goiânia (Foto: Samuel Straioto)
rodrigo maia e marconi perillo em goiania

O presidente da Câmara dos Deputados e presidente da República, em exercício, Rodrigo Maia (DEM-RJ), analisou o resultado do julgamento do ex-presidente Lula (PT), no Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Para Maia, o resultado precisa ser respeitado. Ele argumentou que independente da importância da pessoa, é necessário que as instituições continuem funcionando de forma independente. Maia esteve em Goiânia, na noite desta quarta-feira (25).

<>

Ao Diário de Goiás, o parlamentar disse que não acredita que haja um aumento na tensão eleitoral. Maia disse que é natural que alguns gostem e outros não do resultado. Ele destacou que não se trata de uma questão eleitoral, que será analisada somente num período mais próximo do processo.

“Eu acho que o resultado está dado, o resultado tem que ser respeitado, não estamos aqui tratando de eleição. Agora quem falou foi o judiciário. O judiciário precisa ser ouvido e respeitado. O resultado da justiça por mais que uns gostem algumas vezes, outros não, precisa ser respeitado. A democracia brasileira precisa que as instituições continuem funcionem como funcionando de forma independente e que cada cidadão seja julgado independente do que foi ou do que é no Brasil”, declarou.

Leia mais

EM GOIÂNIA, MAIA CRITICA COMUNICAÇÃO DO GOVERNO TEMER AO DISCUTIR REFORMA DA PREVIDÊNCIA

 

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH