logomarcadiariodegoias2017

Em entrevista ao Programa Viva Voz desta sexta-feira (22), a presidente do PT de Goiás, Kátia Maria, negou mais uma vez que o Partido dos Trabalhadores teria possibilidades de fazer coligação com o PMDB para 2018.

“Não existe conversa com o PMDB aqui em Goiás. Até agora não teve nenhuma movimentação entre as duas direções. Nós colocamos que a nossa prioridade é dialogar com quem apoia o presidente Lula. O PMDB em Goiás não se manifestou nesse sentido, muito pelo contrário, hoje o PMDB de Goiás apoia o presidente Michel Temer e todas as suas reformas dentro do Congresso. Ainda que existisse isso, teriam outros elementos que teríamos que analisar. Hoje, eles falam em uma aliança entre PMDB e DEM. Nessa aliança, ainda que apoiassem o presidente Lula, não caberia o PT. Eu vejo hoje com muita dificuldade uma aliança com o PMDB em Goiás”.

Lula para 2018

Questionada sobre as pesquisas eleitorais recentemente divulgadas, a presidente destacou que é de grande orgulho que o Partido dos Trabalhadores enxerga as intenções de voto. Kátia Maria também encara como “responsabilidade” e entende que a população espera da sigla uma ação para “tirar o Brasil dessa crise”.

“Não só com nosso presidente Lula liderando, mas também as pesquisas mostrando que mesmo depois de todo bombardeio que foi feito com o partido, com as nossas lideranças, em especial o presidente Lula, mas não só ele lidera as intenções de voto nas pesquisas, em primeiro lugar, [...] mas também a preferência da população brasileira em ter o PT como o partido mais querido. Isso para nós é um motivo de orgulho e de responsabilidade”, afirmou.

Veja entrevista na íntegra:

 

 

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA