logomarcadiariodegoias2017

Foto: Agência Brasil
lula foto agencia brasil
Dois dias depois da fixação de data para julgamento do recurso que apresentou no caso do tríplex, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou nesta quinta-feira (14) de um churrasco oferecido pelo Instituto Lula para despedida de um de seus mais antigos funcionários, conhecido como "Baianinho".

Antes da confraternização, Lula assistiu a uma apresentação de pesquisas de intenção de votos encomendadas pelo PT. Segundo participantes, o ex-presidente evitou alimentar conversas sobre o agendamento do julgamento.

De acordo com a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, Lula afirmou que não pode reclamar de pressa "porque sempre disse que a Justiça era lenta".

Ainda segundo relato da senadora, Lula cobrou, no entanto, tratamento isonômico do Judiciário. "Quero saber se meu processo passou à frente dos outros. Mas o que mais quero saber é: qual é o crime", afirmou Lula, de acordo com a presidente do PT.

Nesta sexta (15), o ex-presidente participará de reunião do diretório do PT.

Leia Mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA