marconi perillo reuniao com supervisores do goias na frente foto humberto silva 02O governador Marconi Perillo reuniu nesta quarta-feira, 8, o vice-governador José Eliton e o Secretariado para conferir, pasta por pasta, a execução das obras do Programa Goiás na Frente. De acordo com o relatório pormenorizado, elaborado pela Secretaria Estadual de Gestão e Planejamento (Segplan) por determinação do governador, a execução das obras segue dentro do cronograma.

Na reunião, Marconi orientou a cada dos secretários que elaborem planilhas individualizadas, detalhando o nível de execução dos recursos do Goiás na Frente por cada fonte – Governo de Goiás, Caixa Econômica Federal e convênios com a iniciativa privada. O governador também reforçou com os auxiliares as prioridades contidas na rubrica do programa, citando uma por uma do que chamou de “prioridade das prioridades”.

Em mais um gesto de apoio à Educação, Marconi adiantou ao reitor da UEG, Haroldo Heimer, que, por determinação dele e do vice-governador José Eliton, R$ 50 milhões dos juros excedentes da aplicação dos recursos da privatização da Celg D serão destinados à universidade estadual.

Cada secretário pode explicar detalhadamente o nível de execução orçamentária na esfera do Goiás na Frente, explicitando as obras que estão em fase de execução, licitação e anteprojeto. Marconi recomendou que os secretários se desdobrem na tarefa de superar qualquer entrave burocrático que possa impedir o bom andamento do programa e enfatizou que, no que depender do Governo do Estado, o cronograma de realização de obras, assumido com as prefeituras, será integralmente cumprido.

De posse de um relatório minucioso e pormenorizado, Marconi apontou as prioridades assumidas juntos aos municípios e reforço a necessidade de um acompanhamento diário da execução, se necessário jogando duro com as empresas prestadoras de serviço ao Estado. “Eu sei que é redundância, mas é bom a gente falar”, disse, referindo-se às cobranças que devem ser feitas às empreiteiras.

Aos secretários Marconi deixou claro que não existe nenhum atraso no Goiás na Frente e que os recursos estão em caixa para serem aplicados. O governador também observou a importância de não apenas se construir novas estruturas administrativas, mas dar efetividade a elas. “Tivemos sempre o cuidado de fazer as coisas e as colocar em funcionamento”, reforçou.

Ao final da reunião, depois de agradecer a equipe e constatar que o Goiás na Frente tem um nível de execução plenamente satisfatório, Marconi franqueou a palavra para o vice-governador José Eliton, a quem coube dar a notícia de que o Estado, por meio da Segplan, disponibilizará em breve um portal com todas as informações a respeito do andamento das obras do Goiás na Frente, cujos dados, atualizados diariamente, poderão ser acessados não apenas pelas autoridades, mas pela população.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA