marconi perillo guapo residencial bandeira foto humberto silva 06A senadora Lúcia Vânia acompanhou o governador Marconi Perillo e o vice-governador José Eliton na solenidade de entrega de 300 unidades habitacionais do Residencial Bandeira, na cidade de Guapó. Lúcia marcou presença no ato como protagonista desta conquista alcançada pela comunidade local.

O convênio entre o Governo do Estado, a Prefeitura e o Governo Federal, via Caixa Econômica Federal, que viabilizou a obra de R$ 18,6 milhões, só alcançou as 300 unidades graças ao empenho da senadora. Como lembrou em seu pronunciamento, o Ministério das Cidades, a quem cabe direcionar a política habitacional da Caixa e os investimentos do programa Minha Casa Minha Vida, não via densidade habitacional suficiente para que Guapó fosse contemplada com as 300 casas. 

Recordou Lúcia Vânia: “Fui ao Ministério e mostrei a realidade de Guapó que eles desconheciam. Trata-se, como defendi, de um município que passou a sentir um novo ritmo em seu crescimento habitacional e econômico graças à duplicação da BR-060, à infraestrutura que dispõe e a união de forças dos parlamentares, prefeito, vereadores e demais lideranças. Conseguimos não apenas as 300 casas como também a garantia de que o município, em breve, será incluído em novo programa de construção de casas pelo Minha Casa Minha Vida”.

A senadora reconheceu também os esforços do governador Marconi Perillo para levar casas populares a todos os municípios, beneficiando famílias carentes e diminuindo o déficit habitacional existente. Ela avaliou que Marconi já conquistou para Goiás mais de 300 mil unidades habitacionais ao longo de suas administrações. (Ele) fez o maior programa habitacional do País. Não há nenhum município em Goiás que não tenha sido contemplado com o arrojo deste programa”, salientou.

Lúcia exaltou também a parceria existente entre o Governo do Estado e a Caixa Econômica Federal para a construção de casas em Goiás. Foi através dessa parceria - acredita - que o governador Marconi conseguiu que os goianos pagassem uma prestação menor em relação ao que pagam os mutuários de outros estados.

“Parabéns governador por ter permitido que centenas de pessoas tivessem a

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA