doria e vittiO presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, ressaltou a influência que o prefeito de São Paulo, João Doria (ambos do PSDB), tem para o Estado de Goiás. Em entrevista à imprensa após a sessão ordinária desta terça-feira, 3, Vitti destacou que Doria, como fundador e presidente do Lide, foi responsável por atrair empresas para Goiás e determinante na luta pela convalidação dos incentivos fiscais.

O prefeito de SP vai receber Título de Cidadão Goiano proposto por Vitti e aprovado por unanimidade pelos deputados estaduais e já sancionado pelo governador Marconi Perillo. A entrega será realizada no próximo dia 19, às 17h, no plenário da Casa de Leis.

“Antes de ser prefeito de SP ele é empresário e foi fundador e presidente do Lide, uma associação privada que reúne vários empresários de diversos segmentos do nosso país. E sempre a proximidade dele com o Governador Marconi propiciou que várias empresas, inclusive de renome nacional, se instalassem em nosso Estado” destacou.

Vitti acrescentou que João Doria também foi muito importante para Goiás na luta pela convalidação dos incentivos fiscais. “Vejo que ele foi fundamental. Às vezes não aparece esse trabalho, mas eu como empresário sei da força que ele teve para a convalidação dos incentivos e para que o Estado de Goiás pudesse hoje continuar gerando emprego. Se nós tivéssemos partido para uma guerra com São Paulo, teríamos perdido essa guerra e com certeza grandes empresas que foram trazidas para cá com a ajuda do Lide seriam perdidas e muitos empregos não seriam gerados em nosso Estado”, ressaltou. 

Doria é criador e presidente licenciado do Grupo Doria, que reúne seis organizações, dentre as quais o Grupo de Líderes Empresariais (Lide), uma associação que promove eventos pagos, tendo em sua mala-direta 1.700 empresas nacionais e multinacionais cadastradas que, segundo o site do Grupo Doria, respondem por 52% do Produto Interno Bruto (PIB) privado brasileiro.

Além disso, em 2012, Doria foi eleito uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil, segundo a revista "IstoÉ". Em 2016, foi escolhido para ser o candidato do PSDB para concorrer à Prefeitura de São Paulo, tendo sido eleito no primeiro turno, fato inédito na história da cidade desde 1992, quando foram realizadas as primeiras eleições municipais em dois turnos no Brasil.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA