iris desfileO prefeito de Goiânia, Iris Rezende, participou na manhã deste 7 de setembro, feriado de Independência, do tradicional desfile cívico-militar na Avenida Tocantins, no Setor Central. O evento teve início com o hasteamento das bandeiras próximo ao palanque em frente ao Teatro Goiânia e em seguida com a execução do Hino Nacional pela Banda Juvenil de Goiânia.

“A cada 7 de setembro a população brasileira precisa refletir sobre o que podemos fazer por este país. E isso depende do nosso esforço e sentimento de pátria”, destacou o prefeito.

Ao todo, passam até o meio dia pela avenida mais de 3 mil militares pertencentes ao Exército Brasileiro, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Metropolitana (GCM). Fecham a Cerimônia oito bandas marciais de escolas estaduais e alguns projetos como os jovens da Ordem Demolay, Legião da Boa Vontade (LBV) e do Grupo Ecológico Guardiões do Verde.

Ainda durante o desfile, Iris Rezende comentou que é preciso repensar o Brasil. “O País não é que sonhamos, não é o que nossos antepassados queriam e é preciso refletir sobre o que tem sido feito pelas gerações futuras”, afirmou.

Por fim, o prefeito lamentou a morte do ex-prefeito Nion Albernaz. “Compareci ao velório deste homem que tive o privilégio de conviver intimamente. Foi meu professor, vereador na mesma época, depois o nomeei na Prefeitura. Sempre com espírito público onde deixou grande contribuição para o desenvolvimento da nossa cidade”, ressaltou. O prefeito decretou luto oficial de três dias em homenagem a trajetória do político.

 

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA