logomarcadiariodegoias2017

marconi perillo visita de carmen lucia foto divulgacao

Após a visita da presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, para discutir as medidas tomadas pelo governo de Goiás referente à crise do sistema prisional, o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), informou que o Estado vai ampliar a equipe de segurança nos presídios goianos.

"Também comunicamos à presidente que eu autorizei esta semana ao diretor-geral do sistema prisional a abertura de concurso para mil novos agentes penitenciários", afirmou. 

Os prazos e o edital para a realização do concurso ainda não foram detalhados pela Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás (Segplan), que conduz os processos de contratação de novos servidores estaduais.

No início deste 2018, o governo contratou vigilantes penitenciários temporários para cobrir o déficit. A contratação de pessoal faz parte do acordo feita com a presidente do CNJ para dar mais segurança aos presídios de Goiás. 

Veja vídeo:

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH