O 2º Congresso Goiano de Gestão de Pessoas com Deficiência e Reabilitados do INSS será realizado dias 28 e 29 de novembro, no Centro de Convenções de Goiânia, e vai discutir, entre outros assuntos, o cumprimento do Decreto nº 3.298/1999, que prevê cotas para esse público no preenchimento de 2% a 5% de vagas em empresas com 100 ou mais empregados. 

O evento é promovido pelo Fimtpoder, o Fórum Goiano de Inclusão no Mercado de Trabalho da Pessoa com Deficiência e Reabilitado pelo INSS, que funciona na Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), e tem apoio do Ministério Público do Trabalho (MPT). Durante os dois dias, estarão reunidos gestores, profissionais de recursos humanos, empresas de recrutamento e seleção de talentos, serviço especializado em engenharia de segurança e em medicina do trabalho (Sesmet), o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea-Go) e representantes de entidades de defesa das pessoas com deficiência.

“Com esse congresso, pretendemos conscientizar as empresas sobre a importância de contratar PCDs e reabilitados do INSS, e o direito dessas pessoas de acesso ao emprego”, explica Carmem Patrícia, assessora executiva do Fimtpoder.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA