logomarcadiariodegoias2017

Secretaria da Fazenda em Goiás (Sefaz). (Foto: Divulgação)
sefaz go

Encerrado nesta quinta-feira (21), o Programa de Negociação Fiscal (Refis) do governo estadual negociou com contribuintes R$ 510 milhões. O valor supera o dobro da meta estipulada pelo Estado, de R$ 200 milhões. A segunda etapa do Refis foi iniciada em 6 de dezembro.

Para o superintendente de Recuperação de Créditos, Luciano Caldas, isso foi possível devido à utilização de crédito acumulado e pelo fato de os contribuintes só terem oportunidade de participar de novo Refis daqui quatro anos, conforme determinação do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz).

Do valor total, R$ 170 milhões foram pagos à vista ao Estado; R$ 65 milhões negociados com créditos acumulados; e R$ 275 milhões, parcelados. O número de contribuintes que aderiram à negociação chegou a sete mil.

Somando os valores arrecadados das duas etapas do Programa, o Estado negociou aproximadamente R$ 1,5 bilhão em dívidas apenas de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e Imposto Sobre a Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD).

Leia mais:

 

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA