logomarcadiariodegoias2017

Secretário da Fazenda, João Furtado. (Foto: Divulgação/Governo de Goiás)
joao furtado foto divulgacao governo de goias

Ao participar da assinatura de protocolo de intenções entre o Governo de Goiás, empresas e prefeituras para a instalação de onze novas empresas no Estado nesta segunda-feira (18), o secretário da Fazenda, João Furtado, lembrou a luta empreendida pelo governador Marconi Perillo pela convalidação dos incentivos fiscais, aprovada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) na última sexta-feira (15).

“Isso só foi possível depois de uma longa guerra, quando, a bordo da guerra fiscal, todos nós temíamos o destino dos investimentos e do nosso desenvolvimento, e o governador Marconi lutou por Goiás e pelos Estados. Com a liderança firme do governador Marconi, com muita peregrinação, visitando Estado por Estado para defender uma solução onde todos ganhariam”, disse.

O secretário ressaltou que, mesmo com a sanção da Lei Complementar 160/2017, que convalida os incentivos fiscais, ocorrida em agosto, a vitória só seria alcançada com a aprovação pelo Confaz, conquista alcançada também graças ao trabalho de Marconi. “Chegamos para a última reunião do Confaz divididos. O Brasil estava dividido na sexta-feira passada. O Sudeste não queria aprovar a convalidação, notadamente São Paulo, Paraná e Amazonas. Até chegar nesse momento não tínhamos condições de votação. Aí entrou a estratégia que definiu o resultado. O governador Marconi, presidente do Consórcio de governadores do Brasil Central, elaborou uma estratégia vencedora”, contou.

Lembrou que Marconi buscou a assinatura de governadores do Brasil Central e também dos Estados do Norte e Nordeste. “Quando chegamos para votar, esse documento já estava nas mãos do ministro do STF; que informou que o governador Marconi havia mostrado que os governadores do Consórcio haviam fechado questão. E nós tínhamos governadores do Norte e Nordeste também. Foi uma estratégia importantíssima. Tivemos a oportunidade de discursar que o Brasil precisava de uma decisão corajosa e política, que os governadores haviam tomado”, rememorou.

João Furtado ressalvou que, com isso, foi possível alcançar a aprovação da convalidação dos incentivos fiscais pelo Confaz, e garantir às empresas que chegam ao Estado a manutenção dos benefícios e segurança jurídica. “Caminhamos para o acontecimento histórico. Os incentivos estão convalidados. Os empresários que hoje assinam esse protocolo vão encontrar a melhor ambiência, uma equipe profissional e preparada a aplicar esses benefícios que os senhores conquistaram em Goiás. Estamos prontos para que Goiás continue crescendo e se desenvolvendo”, declarou.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA