JBS

Após escândalos que afetaram a imagem da empresa, a JBS desistiu de listar a JBS Foods International -subsidiária para operações internacionais da empresa- na Bolsa de Nova York.

A empresa enviou nesta segunda-feira (16) um comunicado à SEC (Securities and Exchange Commission, órgão que regula os mercados norte-americanos), solicitando o cancelamento do pedido de IPO.

No documento, a JBS alega que "decidiu não buscar a venda de títulos neste momento".

Neste ano, a empresa se viu envolvida em dois escândalos no Brasil, ao ter sido um dos alvos da operação Carne Fraca, e após seus controladores firmarem acordos de delação premiada com a PGR (Procuradoria-Geral da República) relatando diversos casos de corrupção.

A IPO já havia sido adiada, e a possibilidade de seu cancelamento já era considerada pelo mercado.

A JBS fechou o mês de junho com dívida líquida de cerca de R$ 50 bilhões e dívida líquida sobre Ebitda (receita anterior aos juros, impostos, depreciação e amortização) de 4,16 vezes. (Folhapress)

Leia mais:

 

 

 

 

 

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA