logomarcadiariodegoias2017

John Skipper. (Foto: Divulgação ESPN)
espn

O presidente da ESPN, John Skipper, comunicou sua renúncia ao cargo na emissora e como co-presidente da Disney Media Networks. Em seu anúncio de saída, Skipper relatou que o afastamento ocorreu para tratamento de vício de uma substância aditiva, sem dar mais detalhes.

"Hoje eu renunciei aos meus deveres como presidente da ESPN", afirmou Skipper.

"Eu tenho lutado a muitos anos contra uma substância aditiva. Eu decidi que a coisa mais importante a fazer é cuidar do meu problema", complementou.

Aos 61 anos, Skipper entrou na ESPN em 1997 como vice-presidente sênior e gerente-geral da Revista ESPN. Em 1º de janeiro de 2012, Skipper chegou à presidência do canal fechado.

"Eu venho fazer essa divulgação pública com vergonha e trepidação", afirmou.

Para a vaga de Skipper, a ESPN terá George Bodenheimer, que exerceu a função de 1998 a 2011, sendo presidente executivo até maio de 2014.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA