logomarcadiariodegoias2017

A BBC anunciou que vai produzir um documentário de 90 minutos sobre o produtor americano Harvey Weinstein, acusado por mais de 80 mulheres de ter cometido assédio sexual e estupro.

O documentário terá entrevistas com atrizes que fizeram acusações contra Weinstein, assim como jornalistas, produtores, diretores de cinema, atores, agentes e advogados envolvidos no escândalo. Weinstein receberá a chance de participar, diz a produção do filme.

Os produtores serão Jonathan e Simon Chinn, vencedor do Oscar de melhor documentário por "Procurando Sugar Man" (2012) e "O Equilibrista" (2008).

A responsável pela direção será Ursula MacFarlane, que fez mais de 20 documentários para a TV, como "Charlie Hebdo: 3 Days That Shook Paris" (2015). Não há previsão de estreia.

Histórico

O escândalo envolvendo Weinstein, um dos nomes mais poderosos de Hollywood, começou no início de outubro, quando uma reportagem do jornal "New York Times" fez a primeira série de denúncias. As atrizes Ashley Judd e Rose McGowan foram as primeiras a se pronunciarem publicamente.

Dias depois, ele foi demitido da própria produtora, a The Weinstein Company. Outras atrizes, como Angelina Jolie, Gwyneth Paltrow, Léa Seydoux e Cara Delevigne, também relataram como foram assediadas por Weinstein.

As denúncias contra Weinstein continuam até hoje, ele nega todas as acusações. Na última quarta-feira (13), a atriz Salma Hayek publicou no "New York Times" um relato dos assédios que sofreu de Weinstein, e disse que ele foi seu "monstro por anos". (Folhapress)

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA