donald trump

Um cientista ligado ao Departamento de Estado dos EUA pediu demissão do seu cargo nesta quarta (23) em protesto contra o presidente Donald Trump.

Em sua carta de demissão endereçada ao presidente, o pesquisador Daniel Kammen publicou um pedido de impeachment de Trump em forma de acróstico, composição em que as primeiras letras de cada parágrafo formam, em sentido vertical, uma palavra ou expressão.

"Impeach", diz a palavra formada pelas primeiras letras da carta de renúncia do professor de estudos energéticos da Universidade da Califórnia em Berkeley.

"Suas ações até o momento infelizmente prejudicaram a qualidade de vida nos Estados Unidos, nossa posição no mundo e a sustentabiidade do planeta", diz a carta.

Veja:

Segundo Kammen, a decisão de Trump de abandonar o Tratado de Paris, bem como a desvalorização de pesquisas ambientais e energéticas, é inaceitável para ele.

O pesquisador foi indicado ao cargo no Departamento de Estado em fevereiro do ano passado. Ele também já tinha atuado em funções governamentais por mais de duas décadas.

Segundo Kammen, sua decisão de sair está ligada a ataques do presidente "aos valores centrais dos Estados Unidos", disse, mencionando ainda a postura de Trump após os protestos racistas de Charlottesville.

Leia mais sobre:

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA