cemiterios

A Prefeitura de Goiânia inicia a campanha 'Finados sem Aedes' nesta segunda-feira (30). Além de limpar e eliminar possíveis criadouros do mosquito nos principais cemitérios da Capital, os visitantes dos locais serão orientados a não deixarem materiais que possam acumular água nos túmulos e jazigos. Ação tem início no Jardim das Palmeiras, no setor Centro-Oeste. 

Além da inspeção nos cemitérios e imediações, os agentes de combate às endemias também visitarão floriculturas e lojas próximas aos locais para orientar comerciantes a evitarem vender vasos e recipientes que acumulem água. 'O trabalho de conscientização é fundamental para impedir que novos criadouros sejam levados aos túmulos e jazigos durante as visitas no feriado de Finados', explica a superintendente de Vigilância em Saúde da SMS, Flúvia Amorim.

Feriado

Já na quinta-feira (2), educadores em saúde estarão nos principais cemitérios da cidade para orientar os visitantes sobre a importância do descarte adequado dos objetos que acumulam água das chuvas, como vasos com plantas, embalagens plásticas e copos descartáveis. 'Muitos materiais deixados nos túmulos durante o feriado são potenciais criadouros do mosquito', alerta a superintendente.

Para estimular a utilização de materiais alternativos durante o Dia de Finados, nos stands dos educadores em saúde da SMS nos principais cemitérios de Goiânia estarão disponíveis flores e lembranças feitas com recicláveis, como garrafas pet, por exemplo. Para Flúvia Amorim, o trabalho tem um duplo impacto.'O artesanato com recipientes que antes poluíam o ambiente e serviam para acumular água são utilizados como substitutos para vasos de flores, lembranças e embalagens nos jazigos', destaca.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA