logomarcadiariodegoias2017

Hemerson Maria. (Foto: Comunicação Vila Nova FC)
hemerson maria 23

Hemerson Maria mostrou conhecer bem a Anapolina, adversário do Vila Nova Futebol Clube nesta quarta-feira (24), as 21h45, no Estádio Jonas Duarte. O comandante colorado ao ser questionado a respeito da partida, destacou a qualidade de Rodrigo Calassa no gol e a necessidade de atenção com Pedro Odoni no ataque.

A Anapolina perdeu para o Grêmio Anápolis na abertura do Goianão 2018 e venceu o Itumbiara na 2ª Rodada. Ao analisar as partidas, o técnico do Tigrão ressaltou o fato da Rubra contar com três jogadores canhotos a partir do meio campo. Elogios ao treinador Vilson Tadei também fez parte da análise de Hemerson Maria.

“Além de analisar as equipes você também conhece o trabalho do técnico adversário. O Vilson Tadei foi um meia de muita qualidade e os times que ele comanda são times que tocam muito bem a bola. Sabemos que o gramado do Jonas Duarte não está em um nível legal e a bola está muito rápida, quicando muito. Será um jogo difícil, a Anapolina é a Xatá e será um jogo chato”.

A euforia do torcedor após a vitória no clássico diante do Goiás é trabalhada pelo comandante colorada que busca conscientizar o elenco vermelho que existe muito trabalho a fazer para o time chegar no nível esperado.

“Temos muito ainda a melhorar e não vou me iludir. Nós vencemos, mas foi o Goiás que teve as primeiras oportunidades de fazer o gol foram eles e se o Rafinha tivesse feito uma das oportunidades que ele criou a história do jogo teria sido o outro. Não podemos ter um nível de concentração maior, tecnicamente precisamos melhorar muito na questão dos passes e as finalizações precisam ser aproveitadas. São pontos que precisam ser trabalhados”

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH