logomarcadiariodegoias2017

Aparecidense 1x2 Goiás. (Foto: Rosiron Rodrigues)
aparecidense x goias

Estréia com pé direito do Goiás Esporte Clube no Campeonato Goiano 2018. Na noite desta quarta-feira (17), a equipe esmeraldina venceu a Aparecidense por de 2 a 1, em jogo realizado no Estádio Anníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia. O triunfo teve Marcelo Rangel defendendo pênalti, Hélio dos Anjos sendo expulso e gols de dois atacantes que vestiram pela primeira vez a camisa do Verdão.

O Goiás tomou a iniciativa do jogo, criando as primeiras oportunidades e aos 19 minutos abriu o placar em um gol de cabeça do atacante Lucão, após falha do goleiro Bussato. Ainda no 1º Tempo a Aparecidense teve a boa chance para chegar ao empate - pênalti cometido pelo zagueiro David Duarte que foi cobrado pelo meia Uéderson e que Marcelo Rangel defendeu.

Na etapa final uma alteração foi decisiva o crescimento da Aparecidense. Nonato que começou no banco de reservas entrou no lugar de Gustavo Ramos e o Camaleão melhorou consideravelmente o rendimento, até que chegou ao empate em outro pênalti marcado pelo técnico Eduardo Tomaz, desta vez cometido pelo meia Rafinha que dominou a bola com ajuda do braço . O artilheiro Nonato cobrou e marcou aos 27 minutos.

Antes da cobrança o técnico Hélio dos Anjos foi expulso pelo árbitro Eduardo Thomaz, devido as exageradas reclamações. 

Nao demorou muito e o Goiás voltou a ficar na frente do placar. Finalização de Rafinha e Bussato bateu roupa, no rebote o atacante Maranhão que entrou no lugar de Carlos Eduardo empurrou para as redes. No último lance da partida, Marcelo Rangel voltou a salvar o time esmeraldino em uma defesa a queima roupa em conclusão de Gilvan após assistência de Nonato.

Ficha Técnica - Aparecidense 1x2 Goiás

Local - Estádio Annibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia

Renda - R$ 25.840,00

Público - 2.064 pagantes

Árbitro: Eduardo Tomaz

Assistentes: Cristian Passos e Tiago Gomes

Aparecidense - Busatto; Rafael Cruz, Wagner, Mirita e Helder; Klécio, Uederson, Kao Wilker (Cristian) e Washington (Gilvan); Gustavo Ramos (Nonato) e Aleílson. Técnico: Márcio Azevedo

Goiás - Marcelo Rangel; Pedro Bambu, Fábio Sanches, David Duarte e Jefferson; João Afonso, Léo Sena e Giovanni (Rezende); Carlos Eduardo (Maranhão), Lucão (Júnior Viçosa) e Rafinha. Técnico: Hélio dos Anjos

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH