Diego Cavalieri. (Foto: Divulgação Fluminense)
cavalieri

LEO BURLÁ
RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - De olho na redução drástica de custos do departamento de futebol, o Fluminense anunciou a dispensa de oito jogadores de seu elenco.

O clube não conta mais com Diego Cavalieri, Henrique, Wellington Silva, Artur, Marquinho, Higor Leite, Maranhão e Robert. A medida visa abrir espaço na folha salarial do Fluminense, considerada muito inchada. A informação foi inicialmente veiculada pelo "Globo Esporte" e confirmada pela reportagem.

"O Fluminense está trabalhando para ter um grupo de jogadores que permita formar uma equipe competitiva em 2018, e que caiba no seu orçamento, dentro da atual conjuntura. Não queremos repetir os erros das contratações de 2015 e 2016. É uma mudança pontual que visa reduzir a folha salarial", disse Marcus Vinícius Freire, diretor executivo geral do clube.

O clube prevê uma redução de cerca de R$ 45 milhões no custo do departamento de futebol para 2018, o que tornará o orçamento ainda mais apertado para a próxima temporada.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA