Flamengo x Chapecoense. (Foto: Gilvan de Souza)
flamengo chapeco 20

O Flamengo empatou sem gols na ida, mas não teve dificuldades para despachar a Chapecoense no duelo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana.
Nesta quarta-feira (20), na Ilha do Urubu, o time do técnico Reinaldo Rueda goleou por 4 a 0 para avançar às quartas de final da competição.

O Flamengo, agora, espera o vencedor de Fluminense e LDU-EQU para saber quem será o adversário na próxima fase. O riva tricolor venceu os equatorianos no Rio de Janeiro por 1 a 0 e decide a vaga nesta quinta-feira (21) na altitude de Quito.

O triunfo do Flamengo contra a Chape só foi possível por conta do desempenho dos volantes Cuellar e Willian Arão, que tiveram atuação de gala e marcaram os dois primeiros gols. Juan e Lucas Paquetá completaram o placar.

Logo aos 6 minutos, o Flamengo abriu o placar com Cuellar. O lance, no entanto, foi bastante polêmico. Isso porque o auxiliar Stephen Atoche assinalou impedimento de Guerrero no início da jogada.

O atacante, de fato estava adiantado no momento do passe, mas a bola desviou em Douglas Grolli no meio do caminho, o que caracteriza novo lance. Assim, o peruano ficou em situação legal. O árbitro percebeu a situação no mesmo momento, ignorou a sinalização do bandeira e validou o gol para desespero dos jogadores da Chape, que alegaram ter parado com a marcação de impedimento.

Aos 21 minutos, Arão fez o segundo dos rubro-negros. O jogador teve apenas o trabalho de empurrar a bola para as redes após belíssima jogada de Guerrero pelo lado esquerdo.

Com a desvantagem no placar, a Chapecoense se lançou mais ao ataque para evitar a eliminação. A tentativa de reação, porém, parou nas mãos de Diego Alves, que foi bem quando acionado, como em um chute de Penilla.

A pressão da Chape durou alguns minutos no fim do primeiro tempo. No segundo, o Flamengo voltou a mostrar equilíbrio em campo e não demorou a matar ao adversário. Aos 17 minutos, Juan aproveitou rebote de Jandrei para fazer o terceiro dos rubro-negros e garantir o time nas quartas de final da Sul-Americana.

Com a classificação já encaminhada, Lucas Paquetá entrou em campo para fechar a conta. O atacante marcou o quarto gol e transformou a vitória em goleada.

FLAMENGO

Diego Alves; Pará, Réver, Juan e Trauco; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Vinicius Jr); Everton Ribeiro, Berrío (Gabriel) e Guerrero (Lucas Paquetá). T.: Reinaldo Rueda

CHAPECOENSE

Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Diego Renan; Moisés Ribeiro (Luis Antônio), Lucas Mineiro e Lucas Marques; Penilla (Julio Cesar), Wellington Paulista e Arthur Caike (Alan Ruschel). T.: Emerson Cris

Estádio: Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro (RJ)

Juiz: Michael Espinoza (PER)

Cartões amarelo: Everton Ribeiro e Diego (FLA); Apodi e Wellington Paulista (CHA)

Gols: Cuellar (FLA), aos 6 minutos, e Willian Arão (FLA), aos 21 minutos do primeiro tempo; Juan (FLA), aos 17 minutos, e Lucas Paquetá (FLA), aos 43 minutos do segundo tempo

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA