Zagueiro Miranda
miranda

O zagueiro Miranda, da Inter de Milão, foi cortado da seleção brasileira após a vitória sobre o Equador por 2 a 0, nesta quinta-feira (31), na Arena do Grêmio, pelas eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo.

O jogador foi diagnosticado com uma concussão após bater sua cabeça no corpo do goleiro Alisson no final do primeiro tempo. No intervalo, o departamento médico fez uma avaliação e notou que o zagueiro não se lembrava de detalhes da partida. Por isso, foi encaminhado para um hospital, onde fez um exame de ressonância magnética.

"Ele não perdeu consciência, mas não se lembrava muito bem do jogo, do que havia acontecido, do placar. É um sinal de alerta. Ele foi a um hospital, os exames estão todos normais, mas essa perda de memória caracteriza esse diagnóstico de concussão. Precisamos de um tempo de repouso incompatível com o que temos, por isso ele está desconvocado, para se recuperar. É um quadro bem tranquilo, mas precisamos respeitar esse prazo e preservar a saúde do jogador. Um segundo trauma seria um risco muito grande", afirmou o médico da seleção, Rodrigo Lasmar.

Assim, Miranda deverá ser substituído por Thiago Silva no duelo contra a Colômbia, marcado para a próxima terça-feira (5), fora de casa. Thiago Silva substituiu o jogador durante o segundo tempo da vitória sobre o Equador. A outra opção para o setor defensivo é Rodrigo Caio.

Além do zagueiro, a seleção brasileira também não contará com o lateral esquerdo Marcelo, que cumprirá suspensão. O substituto será Filipe Luís.

NOVAS CONVOCAÇÕES

O coordenador técnico da seleção brasileira, Edu Gaspar, adiantou após a partida que um lateral esquerdo e um zagueiro serão convocados nesta sexta-feira (1º) para completar o grupo.

"Na verdade, após a convocação do Tite, que fazemos no Rio de Janeiro, já temos uma pré-lista de futuros nomes que possam vir neste período. Deixamos reservas de voos prontas e já são nomes definidos. Está tudo muito bem organizado e amanhã provavelmente vou estar definindo, porque primeiro vou estar comunicando os clubes, os atletas e depois você", disse Gaspar, que não quis adiantar se os substitutos atuam no futebol brasileiro ou fora do país.

No ano passado, Tite convocou o lateral esquerdo Fábio Santos, do Atlético-MG, após Marcelo receber o segundo cartão amarelo contra a Argentina e ficar suspenso do duelo contra o Peru.

Desta vez, o treinador pode optar por Diogo Barbosa, do Cruzeiro.

"É um local onde tem Alex Sandro que joga muito, Jorge que estava no Flamengo e está no Monaco. Dentro do Brasil tu tens o lateral-esquerdo do Cruzeiro, Diogo Barbosa, que está fazendo um grande campeonato. Tu começas a bater e a criar essas opções", afirmou o treinador na entrevista.

Para a zaga, um nome que poderia ser chamado é do gremista Geromel, que já foi elogiado por Tite. Ele, porém, se recupera de contusão. Outro nome que o treinador já citou em entrevistas é de Gabriel, do Atlético-MG.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA