(Foto: Lucas Figueiredo)
zico e tecnicos

Argel Fucks, Hemerson Maria e João Paulo Sanches não compareceram ao encontro de técnicos do futebol nacional realizado nesta segunda-feira (21), no Rio de Janeiro. Os profissionais convocaram uma reunião na sede da Confederação Brasileira de Futebol para discutir mudanças e alcançar conquista na profissão, que segundo a maioria não é respeitada no Brasil.

O técnico do Goiás está com a equipe em Pelotas na preparação para o confronto diante do Brasil-RS pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Hemerson Maria e João Paulo Sanchez estão em Goiânia no trabalho de preparação de Vila e Atlético para os compromissos do final de semana contra ABC e Corinthians, respectivamente.

Entre os principais pedidos dos técnicos está o limite de transferência dos profissionais em uma mesma temporada. O reconhecimento no exterior dos cursos promovidos pela CBF e o registro obrigatório dos treinadores nas federações estaduais também fizeram parte da pauta de discussão.

A mesa principal foi composta por Tite, Vanderley Luxemburgo, Vagner Mancini, Zico, Carlos Alberto Parreira, Falcão, Zé Mário e Alfredo Sampaio. Também estiveram presentes no encontro: Marcelo Oliveira, Rogério Micale, Levir Culpi, Hélio dos Anjos, Estevam Soares, Doriva, Marcelo Cabo, Jorginho, Geninho, Oswaldo Oliveira, Marcelo Martelotte, Joel Santana, Cristovão Borges, Silas e outros técnicos.

Principais pedidos:

- Ao demitir o treinador, o clube só poderá registrar o sucessor a partir de comprovação do acerto final do clube com o treinador demitido. A comprovação do acordo seria o documento assinado pelas duas partes. O clube fica impedido de registrar outro técnico antes do acerto completo com o profissional demitido.

- Reconhecimento Internacional da licença dos técnicos brasileiros.

- Redução nos valores cobrados pela CBF para os cursos de treinadores.

- O técnico poderá dirigir apenas dois clubes em uma mesma divisão na temporada.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA