logomarcadiariodegoias2017

Cantora Anitta, 24. (Foto: Reprodução/Instagram)
anitta foto insta 2

Anitta, 24, que fechou o ano de 2017 com chave de ouro, já começa 2018 com tudo. Não bastasse ganhar o mercado internacional, emplacar um sucesso após o outro e ser indicada a premiações internacionais como o I Heart Radio Music Awards, que acontece em março, em Los Angeles, nos EUA, ela agora se lança como empresária de outros cantores.

Suas primeiras apostas são o carioca Micael, 29, ex-integrante do grupo Melanina Carioca, e a gaúcha Clau, 21, cantora pop que iniciou a carreira fazendo covers em seu canal no YouTube. Eles lançaram seus clipes, "A Noite Toda" e "Relaxa", respectivamente, na tarde desta sexta (12), em um hotel no Rio.

Anitta esteve presente no evento e afirmou que além de gostar bastante de atuar na parte estratégica da carreira, apostou no trabalho como empresária para garantir seu futuro quando parar de cantar.

"Fui vendo o quanto eu gostava de ser minha própria empresária. Eu sei como gosto de fazer meu estilo de carreira, que é 360 graus, né. Mas não vou conseguir ficar nesse ritmo para sempre. Uma hora não vou conseguir fazer tanto, como eu gosto. Então, é uma coisa para o meu futuro também."

Sem tom de deboche, a cantora aproveitou para relembrar seus tempos de desacreditada.

"Quando anunciei que eu ia cuidar da minha carreira, muita gente achou que ia ser o fim, que não ia dar em nada. Depois de um ano, quando as coisas começaram a dar muito certo, muitos artistas me ligaram e eu disse que ainda não estava pronta para empresariá-los. Quando coloquei minha própria empresa em ordem, trabalhando no automático, comecei a ter a vontade de abrir esse leque."

O trio foi unânime ao dizer que a sensibilidade artística de Anitta e um de seus grandes diferenciais como empresária.

"Ela entende o que a gente precisa. Muitas vezes o empresário comum não tem a sensibilidade necessária", disse Micael.

"E para mim também tem essa coisa de ser mulher, de saber que ela realmente passou pelo que eu passei. Às vezes estou insegura e a Anitta fala que sempre posso conversar com ela", completou Clau.

Clipes interligados

Gravados em dezembro na Casa Ipiranga, em Petrópolis, região serrana do Rio, os clipes são interligados. Eles contam histórias diferentes, que se passam no século 20, mas com pontos de ligação entre si. Para isso, um artista faz participação no clipe do outro.

"Relaxa", de Clau, mostra o encontro de duas famílias que tentam arranjar um casamento para seus filhos -Clau e seu pretendente. Todos estão satisfeitos com a possível união, menos os dois. Inconformados, ambos abandonam o jantar e saem para lados opostos da casa.

O clímax do clipe vem quando a cantora entra em seus aposentos e encontra o rapaz usando suas perucas e roupas. Ela o ajuda a se arrumar e os dois saem felizes pela casa.

"Naquela época isso seria inaceitável. A ideia foi quebrar um paradigma, mostrar que as pessoas devem se aceitar", disse Anitta.

"Foi super interessante gravar esse clipe. Nunca me imaginei usando essas roupas. Amei. Não é aquela história normal de amor. É um clipe divertido, para cima. Tem essa quebra de paradigma quando meu pretendente se liberta", afirmou Clau.

Empolgado com a exibição de "A Noite Toda", Micael era só sorrisos. "Deu ate um calorzinho", disse, rindo, quando o vídeo acabou.

No clipe, o cantor é o homem de confiança de uma família rica. A filha do patrão investe nele, mas não é correspondida. O coração deste homem pertence a outra mulher: a dama de companhia de Clau. Os dois se envolvem as escondidas e protagonizam cenas de muita paixão. (Folhapress)

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

Reportagem Especial

TVDG

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH