marconi perillo joaquim guilherme barbosa de souza presidente da ocb go foto walter alves 02A presença do governador Marconi Perillo na solenidade desta segunda-feira (20/11) na OCB-GO coroa o bom relacionamento existente entre a entidade e a administração pública. Esta é a interpretação expressa pelo presidente Joaquim Guilherme Barbosa durante entrevista concedida à imprensa. “O governador Marconi Perillo sempre se preocupou muito com o cooperativismo. Ele criou o Conselho Estadual do Cooperativismo e inseriu a OCB-GO em vários conselhos da administração estadual”, destacou.

Hoje, a OCB-GO participa dos conselhos do Fomentar, do Produzir, do FCO, dentre outros. “(Ele) inseriu a nossa organização e consequentemente as cooperativas na vida política e econômica do Estado, fato que consideramos como de grande importância”. 

Joaquim Guilherme considera que essa aproximação fez com que a estrutura de governo “passasse a entender mais de perto as nossas demandas, as nossas aspirações que, ao longo do tempo, foram sendo atendidas em todos os ramos, no crédito, no agronegócio, na saúde, em cada segmento do cooperativismo. O governador desenvolveu ajudas específicas que possibilitaram o crescimento das nossas cooperativas e as ajudaram a chegar onde estão hoje”, comentou.

Ele anunciou que o governador assumiu o compromisso com a entidade de abrir-lhe uma vaga no conselho de administração da Juceg. “Nós queremos que as cooperativas passem por um filtro, que algumas entidades não utilizem o nome de cooperativa sem de fato terem o espírito do cooperativismo. Para nós, seria muito importante termos esse assento na Juceg”.

O governador, segundo Guilherme, “sensível a isso”, deve encaminhar para a Assembleia um projeto que possa dar essa condição à OCB-GO. Por fim, testemunhou que sempre que há demandas em diversas áreas como estradas, por exemplo, as cooperativas levam o problema ao governador “que tem sido sensível aos problemas”. 

O presidente da OCB Nacional, Márcio Lopes de Freitas, com quem Marconi cultiva laços de amizade desde à época em que ocupava cadeira na Câmara dos Deputados, discursou agradecendo o governador “pela atenção e disposição que o senhor tem com o cooperativismo”.

“Feliz é o governador que tem um povo que sabe se organizar, que sabe cooperar. O senhor merece um povo que se organiza, se coordena em um cooperativismo brilhante como este que se faz em Goiás”, salientou.

Nova sede - O prédio inaugurado na noite desta segunda-feira - denominado Edifício Goiás Cooperativo - está localizado na avenida Jamel Cecílio, Jardim Goiás, em Goiânia. Em nove andares, disponibiliza 30 salas comerciais em área construída de 5,8 mil metros quadrados. Funciona como edifício institucional e comercial para atender, prioritariamente, as cooperativas goianas.

A solenidade contou - além do governador Marconi Perillo - com as presenças do presidente do Sistema OCB Nacional, Márcio Lopes de Freitas, e Joaquim Guilherme Barbosa de Souza, do Conselho da OCB-GO, além de presidentes de entidades e outras autoridades municipais e estaduais.

De acordo com o censo do cooperativismo goiano de 2016, do sistema OCB-SESCOOP-GO, as cooperativas goianas apresentam patrimônio líquido de R$ 3,55 bilhões, ativos totais da ordem de R$ 12,35 bilhões e receitas de R$ 7,95 bilhões.

Com 214 cooperativas registradas em nove ramos dos 13 de atividade do cooperativismo, juntas elas reúnem 173 mil cooperados e geram mais de dez mil empregos diretos.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA