wild8729 01 

Em encontro com lideranças do bairro Finsocial, em Goiânia, na noite desta sexta-feira (17/11), o vice-governador Zé Eliton (PSDB) destacou que a construção do projeto da base aliada para 2018 passa por “saber ouvir as pessoas”. O tucano deu início a série de reuniões com moradores da região metropolitana que visa compartilhar experiências e construir um projeto que será apresentado no próximo ano à população do estado.

Durante o evento, Eliton ouviu declarações de apoio de importantes moradores do Noroeste de Goiânia, região com maior número de eleitores da capital. Em sua fala, ele reforçou que é preciso ouvir as demandas do cidadão. "Queremos debater ideias e propostas que contribuam para o desenvolvimento das comunidades em todo o estado", ressaltou.

Eliton disse que a base aliada está “a semear a boa semente, que vai germinar e dar origem à política da construção”. O tucano ressaltou, ainda, que ser governador é “sinônimo de dar esperança, de trabalhar em favor dos goianos".

Eliton afirma também que irá perseguir um objetivo: “Nenhuma família em Goiás ficará sem a proteção do Estado”. Coordenador-geral do Goiás na Frente, o vice-governador tem percorrido o estado lançando a vertente social do programa.

Com a iniciativa, serão ampliados programas como o Renda Cidadã, que atenderá 100 mil famílias goianas. O benefício passará de R$ 80 para R$ 100. O Cheque Moradia também foi reformulado e passará a priorizar famílias que têm entre seus membros algum indivíduo com algum tipo de deficiência. Por fim, o prêmio Reconhece Goiás, de estímulo ao trabalho de entidades do terceiro setor, premiará com R$ 20 mil instituições que auxiliam no atendimento a pessoas carentes.

Apoio

Cerca de 80 lideranças participaram da reunião na casa da dirigente, Maria Helena, quatro vezes presidente da Associação de Moradores do Finsocial. No encontro, estavam líderes religiosos, professores e trabalhadores em geral que externaram apoio aos projetos de Zé Eliton e Marconi Perillo para 2018.

Além dos pleitos de Perillo e Eliton, de acordo com a representante do bairro, a região vai trabalhar para a eleição do deputado Francisco Jr. (Agora para federal) e Eliane Pinheiro (reeleição como estadual). Além do Finsocial, representantes de outros bairros do Noroeste goianiense, a exemplo do Jardim Curitiba, também compareceram.

Maria Helena lembrou do compromisso dos eleitores em eleger pessoas comprometidas com a população. "Pedimos ajuda de representantes engajados e comprometidas com o futuro do nosso estado", relatou a líder comunitária.

A deputada Eliane Pinheiro lembrou do grande volume de obras do estado na região Noroeste de Goiânia, ao longo dos governos de Marconi e Zé Eliton. "Precisamos garantir ainda mais investimentos para nossa gente", relatou.

Além de “grande gestor”, Zé Eliton foi descrito pelo deputado estadual Francisco Jr. como um “apaixonado” pela política. "Consolidado como excelente advogado, ele se dedica, por meio da vida pública, a contribuir com o futuro do nosso estado e a ajudar a quem precisa", disse o parlamentar.

Voz forte na região, a professora Dalas ressaltou os investimentos em educação e afirmou que é preciso dar continuidade às políticas de valorização dos professores e de ascensão ao ensino no estado. "Observamos uma melhora muito grande na qualidade da educação em Goiás nos últimos anos", observa.

Cipriano, ex-vice-presidente da Associação de Moradores do Finsocial também demonstrou preocupação com o futuro político do estado. "Não podemos retroceder com todas as conquistas para nossa região", afirmou o representante.

Principal representante da região Noroeste na Câmara Municipal de Goiânia, a vereadora Sabrina Garcez, que é do PMB, Partido da Mulher Brasileira, fez um paralelo entre as administrações estadual e da capital.

"Enquanto fecham Cmeis, o governo amplia o Hugol (localizado na região), enquanto todos os estagiários foram desligados no início da atual gestão goianiense, por meio do Goiás na Frente Terceiro Setor-Social, o estado amplia o Jovem Cidadão, dando oportunidade a milhares de adolescentes ao primeiro emprego", disse Sabrina Garcez, ao destacar investimentos em outras áreas.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA