Foto: Clélio Tomaz/AGIF/Folhapress
kaykesantosfutebol

O atacante Kayke lamentou o gol perdido aos 43 minutos do segundo tempo no empate do Santos por 1 a 1 diante do Sport, nesta quinta-feira (19), na Ilha do Retiro, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Ele teve a chance de garantir a vitória santista ao ficar "cara a cara" com Magrão após passe de Vecchio, mas chutou para fora.

Kayke acredita que o segundo tempo do Santos determinou o tropeço do time. Após terminar a primeira etapa vencendo com 1 a 0, a equipe santista recuou e foi "abafada" pelo Sport no segundo tempo. De tanto insistir, o time da casa marcou o gol de empate aos 39 minutos da segunda etapa.

Por fim, o atacante reconheceu que o "gol feito" perdido poderia colocar o Santos na briga pelo título.

"Botar pra dentro da rede era o que eu deveria ter feiro [o que faltou no lance]. Nosso segundo tempo foi muito abaixo do que esperávamos. Eles abafaram a gente. Infelizmente eu perdi a chance que poderia ter resultado em gol, como eles que tiveram várias e não fizeram. Fica a frustração pois poderíamos ter ganho e encostado no Corinthians que apenas empatou na rodada. Mas temos tudo para terminar bem esse campeonato", afirmou Kayke ao SporTV.

A equipe santista ficaria a 7 pontos do líder Corinthians com a vitória, mas viu a vantagem ficar em nove pontos. Já o Sport subiu para 35 pontos, mas fica somente a três pontos da zona de rebaixamento.

O Santos apostou na grande fase de seu goleiro para tentar conquistar os três pontos. Vanderlei fez diversas defesas importantes -com as mãos e até com os pés. Mas Rogério cruzou para área aos 39 minutos do segundo tempo e a bola não tocou em ninguém, nem em Vanderlei, e "morreu" dentro do gol.

Enquanto o Santos volta a campo no próximo domingo, quando encara o lanterna Atlético-GO, às 17h, na Vila Belmiro, em jogo válido pela 30ª rodada da competição, o Sport enfrenta o Atlético-PR, na Arena da Baixada, no mesmo dia e horário.

Leia Mais:

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA