A secretária de Educação, Cultura e Esporte de Goiás (Seduce), Raquel Teixeira, afirmou nesta terça-feira (28) que o edital do concurso da Educação deverá ser publicado entre 45 e 60 dias, em entrevista ao Diário de Goiás. O anúncio do concurso foi feito na última sexta-feira (24) e prevê mil vagas, sendo 900 para professores e 100 para servidores administrativos.

“O edital está pronto. Estamos em fase de definição de qual instituição fará o concurso, [...] analisando as propostas. Uma vez decidida a instituição que fará o concurso, temos procedimentos burocráticos normais, mas no máximo entre 45 e 60 dias o edital deverá estar publicado. O que é uma ótima notícia”, afirmou Raquel Teixeira.

De acordo com a secretária, inicialmente serão divulgadas vagas para professores formados em Matemática, Física, Química e Biologia. No entanto, ainda há a possibilidade de abrir vagas para profissionais que ministram aulas de Humanas, como Português, História, Geografia.

“Estamos fazendo um levantamento da demanda e do déficit real em outras áreas que não as de exatas. Eventualmente anunciaremos. Estamos fazendo esse levantamento que é camuflado pelo fato de professores de diferentes áreas cobrirem disciplinas diferentes. A gente tem demandas para artes, área de humanas em geral”, destacou.

Administrativos

Em relação às 100 vagas destinadas a servidores administrativos, Raquel Teixeira informou que serão para nível superior. Entre os cargos, estarão Ciências Contábeis, Engenharia, Direito, entre outros, que atuarão na sede da Seduce.

“100 vagas de administrativos são para profissionais de nível superior, engenheiros, porque a Secretaria de Educação assumiu a responsabilidade das obras físicas. Então passou da Agetop [Agência Goiana de Transporte e Obras] para a Secretaria, e nós precisamos ampliar o corpo de engenheiros, contadores. São profissionais de nível superior”, disse.

A previsão é de que os aprovados sejam convocados ainda este ano.


LEIA MAIS SOBRE CONCURSOS

Veja entrevista:

Leia mais:

 

BUSCA